Você Desagua Em Mim E Eu Oceano

Reza May 29, 2022
50 frases de Djavan para quem é apaixonado por música nacional

O poema “Você desagua em mim e eu oceano” é um verso que representa uma metáfora do amor, em que uma pessoa é comparada a um rio que desagua em outra, que é comparada a um oceano. O poema sugere uma entrega total e um desejo de fusão entre os amantes, em que um se torna parte do outro.

Significado do poema

Esse verso é uma metáfora do amor, em que a primeira pessoa é comparada a um rio e a segunda pessoa a um oceano. O rio deságua no oceano, assim como uma pessoa se entrega ao amor de outra. O amor é visto como uma força da natureza que une duas pessoas e que é maior do que cada uma delas individualmente.

O poema sugere uma entrega total, em que um se dissolve no outro. O eu lírico (a pessoa que fala no poema) se torna parte do oceano, como se perdesse sua individualidade na fusão com a outra pessoa. Isso pode ser interpretado como um desejo de intimidade e de conexão plena com o outro.

Interpretações do poema

O poema tem uma grande variedade de interpretações, dependendo da perspectiva de quem o lê. Algumas possíveis interpretações incluem:

  • Amor incondicional: o poema sugere que o amor é uma força poderosa que une duas pessoas e que é maior do que cada uma delas individualmente. Isso pode ser interpretado como um amor incondicional, em que a pessoa se entrega completamente ao outro.
  • Fusão: a imagem da água se misturando sugere uma fusão entre os amantes, em que cada um se torna parte do outro. Isso pode ser interpretado como um desejo de intimidade e de conexão plena com o outro.
  • Entrega: o poema sugere uma entrega total, em que um se dissolve no outro. Isso pode ser interpretado como um desejo de confiar plenamente no outro e se entregar sem reservas.
  • Transcendência: a imagem do rio e do oceano também pode ser interpretada como uma metáfora da vida e da morte. O rio é uma vida individual e passageira, que deságua no oceano da eternidade. Isso pode ser interpretado como uma busca pela transcendência e pelo sentido da existência.

Contexto histórico e cultural

O poema “Você desagua em mim e eu oceano” foi criado pelo poeta brasileiro Ferreira Gullar, que é considerado um dos maiores nomes da poesia brasileira do século XX. Gullar nasceu em São Luís, no Maranhão, em 1930, e faleceu em 2016, aos 86 anos.

Gullar foi um poeta engajado politicamente, que participou ativamente dos movimentos artísticos e culturais do Brasil nas décadas de 1950 e 1960. Ele foi um dos fundadores do movimento neoconcreto, que propunha uma poesia mais livre e experimental, que explorava a linguagem e a visualidade dos poemas.

For more information, please click the button below.

O poema “Você desagua em mim e eu oceano” foi publicado originalmente no livro “Dentro da noite veloz”, de 1975. Esse livro foi escrito durante o período em que Gullar estava exilado em Buenos Aires, na Argentina, por causa da ditadura militar no Brasil.

Por causa de seu engajamento político e de sua produção literária, Ferreira Gullar é considerado uma das figuras mais importantes da cultura brasileira do século XX.

Conclusão

O poema “Você desagua em mim e eu oceano” é uma metáfora do amor e da entrega total entre duas pessoas. O poema sugere uma fusão entre os amantes, em que cada um se torna parte do outro. O poema tem uma grande variedade de interpretações, dependendo da perspectiva de quem o lê, e pode ser visto como uma expressão do amor incondicional, da busca pela transcendência ou da entrega total.

FAQs

1. Qual é o significado do poema “Você desagua em mim e eu oceano”?

O poema é uma metáfora do amor, em que cada pessoa é comparada a um rio e a um oceano. O rio deságua no oceano, assim como uma pessoa se entrega ao amor de outra. O poema sugere uma entrega total e um desejo de fusão entre os amantes, em que um se torna parte do outro.

2. Qual é o contexto histórico e cultural do poema?

O poema foi criado pelo poeta brasileiro Ferreira Gullar, que é considerado um dos maiores nomes da poesia brasileira do século XX. Gullar foi um poeta engajado politicamente, que participou ativamente dos movimentos artísticos e culturais do Brasil nas décadas de 1950 e 1960. Ele foi um dos fundadores do movimento neoconcreto, que propunha uma poesia mais livre e experimental, que explorava a linguagem e a visualidade dos poemas.

3. Qual é a mensagem principal do poema?

O poema sugere uma entrega total e um desejo de fusão entre os amantes, em que um se torna parte do outro. O amor é visto como uma força da natureza que une duas pessoas e que é maior do que cada uma delas individualmente. O poema pode ser interpretado como uma expressão do amor incondicional, da busca pela transcendência ou da entrega total.

Related video of voce desagua em mim e eu oceano

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait