Vendedor De Frutas Tarsila Do Amaral

Reza October 11, 2021
Obra O Vendedor De Frutas Tarsila Do Amaral EDUCA

Introdução

Tarsila do Amaral é um dos nomes mais importantes da arte moderna brasileira. Ela nasceu em Capivari, interior de São Paulo, em 1886, e faleceu em São Paulo, em 1973. Durante sua vida, Tarsila produziu uma vasta obra, que inclui pinturas, desenhos e esculturas. Uma de suas pinturas mais famosas é “Abaporu”, que foi criada em 1928. Esta obra inspirou o movimento antropofágico, que tinha como objetivo devorar a cultura europeia e criar uma arte brasileira autêntica. No entanto, neste artigo, vamos falar sobre outra obra de Tarsila do Amaral: “Vendedor de Frutas”. Esta pintura foi criada em 1925 e é uma das obras mais conhecidas da artista. A seguir, vamos falar sobre a história desta obra, sua importância para a arte brasileira e suas características.

História da obra

“Vendedor de Frutas” é uma pintura a óleo sobre tela, que mede 73 x 60 cm. Foi criada em 1925, durante a viagem que Tarsila do Amaral fez à França, onde estudou na Academia de La Palette, em Paris. A pintura retrata um vendedor de frutas, que segura um cesto cheio de frutas e legumes. Ao fundo, vemos algumas casas e um céu azul claro. A obra foi apresentada pela primeira vez em uma exposição coletiva em São Paulo, em 1926. Na época, a pintura chamou a atenção do público e da crítica, que elogiaram a habilidade técnica de Tarsila do Amaral e a originalidade de sua obra.

Importância para a arte brasileira

“Vendedor de Frutas” é uma obra importante para a arte brasileira por diversos motivos. Em primeiro lugar, ela é uma das primeiras obras de Tarsila do Amaral que retrata a realidade brasileira. Antes desta pintura, Tarsila havia produzido obras mais abstratas e experimentais, que não tinham uma relação direta com o Brasil. Com “Vendedor de Frutas”, a artista começa a explorar a cultura e as tradições brasileiras em suas obras. Além disso, “Vendedor de Frutas” é uma obra que retrata a vida simples e cotidiana do povo brasileiro. O vendedor de frutas representa a figura do trabalhador brasileiro, que luta todos os dias para sobreviver e sustentar sua família. Ao retratar esta figura, Tarsila do Amaral deu voz e visibilidade aos trabalhadores brasileiros, que muitas vezes eram invisíveis na sociedade. Por fim, “Vendedor de Frutas” é uma obra que combina elementos da arte moderna europeia com elementos da cultura brasileira. A técnica usada por Tarsila do Amaral nesta pintura é inspirada no cubismo, que era um movimento artístico que estava em voga na Europa na época. No entanto, Tarsila do Amaral inseriu na pintura elementos da cultura brasileira, como o cesto de frutas e as casas ao fundo. Com isso, a artista criou uma obra que é ao mesmo tempo moderna e brasileira.

Características da obra

“Vendedor de Frutas” tem diversas características que a tornam uma obra única e original. A seguir, vamos falar sobre algumas delas: – Cores: A pintura é marcada pelo uso de cores vibrantes e contrastantes. O verde das frutas e do cesto contrasta com o vermelho da roupa do vendedor e com o azul claro do céu ao fundo. – Formas: As formas na pintura são angulares e geométricas, o que remete ao cubismo. No entanto, as formas também têm uma certa suavidade e fluidez, o que dá à obra uma sensação de movimento. – Composição: A composição da pintura é bastante equilibrada e simétrica. O vendedor de frutas está no centro da tela, e as casas ao fundo estão dispostas de forma ordenada. No entanto, a composição também tem uma certa dinamicidade, graças às formas angulares e à sensação de movimento que as formas transmitem. – Simbolismo: “Vendedor de Frutas” é uma obra que tem um forte simbolismo. O vendedor de frutas representa o trabalhador brasileiro, que é o sustentáculo da sociedade. As frutas e legumes no cesto representam a riqueza da terra brasileira, que é capaz de sustentar o povo.

Conclusão

“Vendedor de Frutas” é uma obra importante da arte brasileira e uma das mais conhecidas de Tarsila do Amaral. Ela representa um momento importante na carreira da artista, em que ela começa a explorar a cultura e as tradições brasileiras em suas obras. Além disso, a pintura é marcada pelo uso de cores vibrantes, formas geométricas e um forte simbolismo. Com isso, Tarsila do Amaral criou uma obra que é ao mesmo tempo moderna, brasileira e profundamente humana.

FAQs

1. Quais são as principais características do cubismo?

O cubismo é um movimento artístico que surgiu no início do século XX, na Europa. Suas principais características são o uso de formas geométricas, a desconstrução da perspectiva tradicional e a utilização de cores vibrantes. O cubismo procura retratar a realidade de forma abstrata e fragmentada, mostrando cada objeto ou figura de múltiplos pontos de vista.

For more information, please click the button below.

2. O que é o movimento antropofágico?

O movimento antropofágico foi um movimento artístico e cultural que surgiu no Brasil na década de 1920. Seu principal objetivo era criar uma cultura brasileira autêntica, devorando e reinterpretando influências estrangeiras, especialmente as europeias. O movimento foi liderado por escritores e artistas, como Oswald de Andrade, Tarsila do Amaral e Mário de Andrade.

3. Qual é a importância de Tarsila do Amaral para a arte brasileira?

Tarsila do Amaral é uma das artistas mais importantes da história da arte no Brasil. Ela foi uma das pioneiras do modernismo brasileiro e criou uma obra que combinava elementos da cultura brasileira com técnicas e tendências artísticas europeias. Sua obra foi fundamental para a construção de uma identidade cultural brasileira e para a valorização da cultura popular. Além disso, Tarsila do Amaral foi uma artista engajada socialmente, que lutou pela igualdade e pelos direitos dos trabalhadores brasileiros.

Related video of vendedor de frutas tarsila do amaral

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait