Tá Lá O Corpo Estendido No Chão Música

Reza June 21, 2021
Tá Lá o Corpo Estendido no Chão (PDF Download Available)

Introdução

“Tá lá o corpo estendido no chão música” é uma expressão que faz referência a uma música popular brasileira composta por Aldir Blanc e João Bosco. A canção, que foi lançada em 1976, é uma crítica à violência policial e à repressão do regime militar brasileiro. A letra narra a história de um homem que é assassinado pela polícia e tem seu corpo deixado no chão, enquanto a população é obrigada a seguir em frente sem poder fazer nada. Neste artigo, vamos explorar mais detalhadamente a música, sua letra e seu contexto histórico.

A letra da música

A letra da música “Tá lá o corpo estendido no chão” é uma narrativa que descreve a cena de um homem assassinado pela polícia e abandonado no chão. A letra é carregada de críticas à violência policial e à repressão do regime militar que governava o Brasil na época em que a música foi escrita. A seguir, vamos analisar alguns trechos da letra: “Na esquina a guarda civil A pátria que eles fazem parte Fez o corpo estendido no chão” Nestes versos, a letra faz referência à guarda civil, que era responsável pela segurança pública na época em que a música foi escrita. A expressão “a pátria que eles fazem parte” sugere que a guarda civil agia em nome do Estado, mas não em defesa do povo. “Tá lá o corpo estendido no chão E o povo com medo da noite Mas fascinação pelo neon” Nestes versos, a letra descreve a reação do povo à cena do corpo estendido no chão. O medo da violência policial é contrastado com a fascinação pelo neon, uma referência aos letreiros luminosos que eram comuns nas grandes cidades na época em que a música foi escrita. “Que tempo é esse meu Deus Em que um homem é esquartejado Estraçalhado, estendido no chão” Nestes versos, a letra expressa a indignação diante da violência policial e da repressão do regime militar. A frase “que tempo é esse meu Deus” sugere que a situação era tão grave que só um milagre poderia mudá-la.

O contexto histórico

Para entender o significado da música “Tá lá o corpo estendido no chão”, é necessário conhecer o contexto histórico em que ela foi escrita. A música foi lançada em 1976, durante o regime militar que governou o Brasil de 1964 a 1985. Nesse período, as liberdades civis foram restringidas, a imprensa foi censurada e a oposição política foi perseguida e reprimida. Além disso, a violência policial era uma prática comum, especialmente nas favelas e regiões periféricas das grandes cidades. Muitas pessoas foram presas, torturadas e mortas pela polícia durante o regime militar. A música “Tá lá o corpo estendido no chão” denuncia essa violência e chama a atenção para a situação de opressão vivida pela população brasileira na época.

Conclusão

A música “Tá lá o corpo estendido no chão” é uma crítica contundente à violência policial e à repressão do regime militar que governou o Brasil de 1964 a 1985. A letra da música descreve a cena de um homem assassinado pela polícia e abandonado no chão, enquanto a população é obrigada a seguir em frente sem poder fazer nada. A música se tornou um hino da resistência contra a opressão e a violência do Estado, e ainda é lembrada como um símbolo da luta pela liberdade e pela justiça social no Brasil.

FAQs

1. Quem compôs a música “Tá lá o corpo estendido no chão”?

A música foi composta por Aldir Blanc e João Bosco, e lançada em 1976.

2. Qual é o significado da expressão “Tá lá o corpo estendido no chão”?

A expressão é uma referência à cena de um homem assassinado pela polícia e abandonado no chão, que é descrita na letra da música.

For more information, please click the button below.

3. Qual é o contexto histórico em que a música foi escrita?

A música foi escrita durante o regime militar que governou o Brasil de 1964 a 1985, um período marcado pela repressão política, censura e violência policial. A letra da música é uma crítica a essa situação de opressão e violência.

Related video of ta la o corpo estendido no chao musica

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait