Sinais Icônicos E Sinais Arbitrários

Reza April 18, 2022
Libras Ensine Suas Mãos A Falar Letramento em Libras

Os sinais são elementos presentes em nossas vidas diárias, utilizados para estabelecer uma comunicação entre indivíduos ou grupos. Eles podem ser verbais, escritos ou visuais. No entanto, é importante destacar que nem todos os sinais são iguais. Existem dois tipos principais de sinais: os icônicos e os arbitrários. Neste artigo, discutiremos sobre as diferenças entre eles e como eles são utilizados em nosso cotidiano.

Sinais icônicos

Os sinais icônicos são aqueles que apresentam uma relação de semelhança ou proximidade com o objeto ou conceito que eles representam. Em outras palavras, eles imitam ou reproduzem de forma visual aquilo que querem transmitir. Alguns exemplos de sinais icônicos incluem:

  • Desenhos ou ilustrações que representam objetos ou conceitos;
  • Fotografias ou imagens digitais;
  • Gestos e expressões faciais.

Um exemplo comum de sinal icônico é a representação de uma maçã em uma placa indicando a presença de uma frutaria. Nesse caso, a ilustração da maçã imita visualmente o objeto que está sendo vendido no estabelecimento. O mesmo ocorre com o desenho de uma bicicleta em uma ciclovia, que indica a presença de um espaço destinado a esse tipo de veículo.

Os sinais icônicos são utilizados em diversas áreas, como na publicidade, na sinalização de trânsito, na comunicação visual em geral. Eles são eficazes porque permitem uma compreensão rápida e intuitiva do que está sendo transmitido, sem a necessidade de uma explicação verbal detalhada.

Sinais arbitrários

Por outro lado, os sinais arbitrários são aqueles que não apresentam nenhuma relação natural com o objeto ou conceito que representam. Eles são convencionais, ou seja, foram estabelecidos por uma convenção social ou cultural. Alguns exemplos de sinais arbitrários incluem:

  • Palavras;
  • Números;
  • Letras do alfabeto.

Um exemplo comum de sinal arbitrário é a palavra “cadeira”. Não há nenhuma relação natural entre os sons que compõem essa palavra e o objeto que ela representa. No entanto, a sociedade concordou em utilizar essa palavra para se referir a esse móvel em particular.

For more information, please click the button below.

Os sinais arbitrários são amplamente utilizados na linguagem verbal e escrita. Eles são eficazes porque permitem uma comunicação precisa e complexa, capaz de transmitir ideias abstratas e conceitos mais elaborados. Além disso, a arbitrariedade dos sinais permite que novos termos sejam criados e incorporados à linguagem, de acordo com as necessidades da sociedade.

Relação entre sinais icônicos e arbitrários

Embora os sinais icônicos e arbitrários sejam diferentes, eles não são mutuamente exclusivos. Na verdade, muitas vezes eles são combinados em um mesmo contexto para transmitir uma mensagem mais completa e eficaz. Por exemplo, em uma placa de sinalização de trânsito, pode haver tanto uma palavra (sinal arbitrário) quanto uma ilustração (sinal icônico) para indicar uma determinada mensagem. Essa combinação permite que a mensagem seja compreendida de forma mais rápida e precisa.

Além disso, é importante destacar que a escolha entre um sinal icônico ou arbitrário para transmitir uma mensagem pode depender do contexto e da cultura em que o sinal será utilizado. Em algumas culturas, certos sinais icônicos podem não ser compreendidos ou interpretados de forma diferente do que se pretendia. Por isso, é importante considerar esses fatores ao escolher os sinais a serem utilizados em uma determinada comunicação.

Conclusão

Em resumo, os sinais icônicos e arbitrários são elementos importantes em nossa comunicação diária. Os sinais icônicos imitam de forma visual aquilo que querem transmitir, enquanto os sinais arbitrários são convencionais e não apresentam relação natural com o objeto ou conceito que representam. Ambos os tipos de sinais são eficazes, dependendo do contexto e da cultura em que são utilizados. A combinação de sinais icônicos e arbitrários pode permitir uma comunicação mais rápida e precisa.

FAQs

1. Qual é a diferença entre um sinal icônico e um sinal arbitrário?

Os sinais icônicos apresentam uma relação de semelhança ou proximidade com o objeto ou conceito que representam, enquanto os sinais arbitrários são convencionais e não apresentam relação natural com o objeto ou conceito que representam.

2. Em que áreas os sinais icônicos e arbitrários são utilizados?

Os sinais icônicos são utilizados em diversas áreas, como na publicidade, na sinalização de trânsito, na comunicação visual em geral. Os sinais arbitrários são amplamente utilizados na linguagem verbal e escrita.

3. Por que é importante considerar o contexto e a cultura ao escolher os sinais a serem utilizados em uma comunicação?

O contexto e a cultura podem influenciar a compreensão e interpretação dos sinais utilizados em uma comunicação. Em algumas culturas, certos sinais icônicos podem não ser compreendidos ou interpretados de forma diferente do que se pretendia. Por isso, é importante considerar esses fatores ao escolher os sinais a serem utilizados.

Related video of sinais icônicos e sinais arbitrários

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait