Quem Foi O Rei Da Judeia Depois De Herodes?

Reza May 17, 2021
Personagens mais impiedosos da História História Colégio Web

Herodes foi um dos reis mais famosos da Judeia, governando a região por mais de 30 anos. Ele foi um governante controverso, conhecido por sua crueldade e por construir grandes projetos arquitetônicos. No entanto, sua morte deixou um vazio no trono da Judeia e a questão de quem o sucederia foi uma fonte de conflito e instabilidade.

Herodes, o Grande

Herodes, também conhecido como Herodes, o Grande, nasceu em 73 a.C. Ele era um governante ambicioso que buscava consolidar seu poder na Judeia e expandir seu controle sobre outras regiões. Em 37 a.C., ele foi nomeado rei da Judeia pelo Senado Romano e governou a região até sua morte em 4 a.C. Durante seu reinado, ele construiu grandes projetos arquitetônicos como o Templo de Jerusalém e o palácio de Herodium.

A sucesão após a morte de Herodes

Após a morte de Herodes, a questão de quem o sucederia se tornou um grande problema. Herodes deixou uma família dividida e uma série de rivais que disputavam o trono. A situação era tão tensa que Augusto, o imperador romano da época, teve que intervir para resolver a questão.

Augusto dividiu a Judeia em quatro partes e nomeou quatro governadores para administrá-las. Esses governadores eram:

  • Arquelau – governou a Judeia, Samaria e Idumeia
  • Herodes Antipas – governou a Galileia e Peréia
  • Herodes Filipe – governou a região norte da Judeia
  • Lísânias – governou a Abilene, uma região no norte da Síria

Arquelau era o filho mais velho de Herodes e esperava suceder seu pai como rei da Judeia. No entanto, ele era impopular entre o povo judeu e Augusto decidiu não conceder-lhe o título de rei, em vez disso, ele o nomeou etnarca. Arquelau governou a Judeia, Samaria e Idumeia por cerca de dez anos, mas acabou sendo deposto por Augusto em 6 d.C. e exilado para a Gália.

O período romano na Judeia

Depois da morte de Herodes, a Judeia passou a ser governada diretamente pelos romanos. Isso foi um grande choque para o povo judeu, que valorizava sua independência e religião. A presença romana na Judeia levou a uma série de revoltas e conflitos, incluindo a Guerra Judaica (66-70 d.C.), que resultou na destruição do Segundo Templo de Jerusalém pelos romanos.

For more information, please click the button below.

Os governadores romanos da Judeia eram geralmente impopulares entre o povo judeu e enfrentavam muitos desafios. Pilatos, por exemplo, um dos governadores romanos mais conhecidos da Judeia, enfrentou várias revoltas e conflitos durante seu mandato. Ele também ficou conhecido por sua brutalidade e por sua tentativa fracassada de condenar Jesus à morte.

Conclusão

Em resumo, após a morte de Herodes, a Judeia foi dividida em quatro partes e governada por quatro governadores nomeados pelo imperador romano Augusto. Arquelau, o filho mais velho de Herodes, esperava suceder seu pai como rei, mas acabou sendo deposto por Augusto. A Judeia passou a ser governada diretamente pelos romanos, o que levou a uma série de revoltas e conflitos que culminaram na Guerra Judaica e na destruição do Segundo Templo de Jerusalém.

FAQs

1. Qual foi o motivo da divisão da Judeia em quatro partes após a morte de Herodes?

A divisão da Judeia em quatro partes após a morte de Herodes foi uma forma que Augusto encontrou para evitar conflitos e garantir a estabilidade na região. Ele nomeou quatro governadores para administrar as diferentes partes da Judeia e esperava que isso ajudasse a manter a paz.

2. Por que Arquelau não foi nomeado rei da Judeia depois da morte de Herodes?

Arquelau não foi nomeado rei da Judeia depois da morte de Herodes porque ele era impopular entre o povo judeu e Augusto não confiava nele. Em vez disso, ele o nomeou etnarca e deu a ele a responsabilidade de governar a Judeia, Samaria e Idumeia. No entanto, Arquelau acabou sendo deposto por Augusto em 6 d.C. e exilado para a Gália.

3. Como a presença romana na Judeia afetou o povo judeu?

A presença romana na Judeia foi um grande choque para o povo judeu, que valorizava sua independência e religião. Os governadores romanos da Judeia eram geralmente impopulares entre o povo judeu e enfrentavam muitos desafios. A presença romana levou a uma série de revoltas e conflitos, incluindo a Guerra Judaica (66-70 d.C.), que resultou na destruição do Segundo Templo de Jerusalém pelos romanos.

Related video of quem foi o rei da judeia depois de herodes

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait