Que Elementos O Cronista Utilizou Para Gerar Humor No Texto

Reza July 6, 2021
3. Que elementos o cronista utilizou para gerar humor no texto? V

O humor é uma das formas mais eficazes de se comunicar com o público, pois é capaz de prender a atenção e gerar empatia com o leitor. Na literatura, é comum que os autores utilizem diversos elementos para gerar humor em suas obras, como a ironia, o sarcasmo, a paródia, entre outros. Neste texto, iremos analisar que elementos o cronista utilizou para gerar humor em seu texto.

O que é um cronista?

Antes de começarmos a analisar o texto, é importante entender o que é um cronista. O cronista é um escritor que se dedica a escrever crônicas, que são textos curtos, geralmente publicados em jornais e revistas, que abordam temas do cotidiano de forma descontraída e bem-humorada. O cronista é responsável por observar o mundo ao seu redor e transformar essas observações em textos que possam divertir e fazer refletir o leitor.

Análise do texto

O texto em questão é uma crônica intitulada “O dia em que inventaram a preguiça”. Nele, o cronista utiliza diversos elementos para gerar humor, como veremos a seguir:

Ironia

A ironia é uma figura de linguagem que consiste em dizer o contrário do que se quer expressar, de forma a gerar humor ou crítica. No texto, o cronista utiliza a ironia ao falar sobre a invenção da preguiça. Ele começa dizendo que “foi um grande avanço para a humanidade”, mas logo em seguida explica que “antes disso, as pessoas trabalhavam o dia inteiro, sem descanso, e isso era muito cansativo”. Ou seja, a invenção da preguiça foi vista como uma solução para o cansaço, mas na verdade só fez com que as pessoas fossem ainda mais preguiçosas.

Paródia

A paródia é uma forma de se criar humor a partir de uma obra já existente, imitando-a de forma exagerada ou distorcida. No texto, o cronista faz uma paródia do Gênesis, o primeiro livro da Bíblia. Ele começa dizendo que “no sétimo dia, Deus criou a preguiça”, imitando a famosa passagem que diz que “no sétimo dia, Deus descansou”. Essa paródia serve para mostrar como a preguiça é vista como algo sagrado e intocável, assim como o descanso divino.

Personificação

A personificação é uma figura de linguagem que consiste em atribuir características humanas a seres inanimados ou animais. No texto, o cronista utiliza a personificação ao falar da preguiça como uma entidade viva, capaz de tomar conta das pessoas e fazê-las desistir de fazer qualquer coisa. Ele diz que “a preguiça se espalhou pelo mundo como um vírus”, mostrando como essa sensação pode ser contagiosa e acabar afetando a todos.

For more information, please click the button below.

Exagero

O exagero é uma técnica muito utilizada no humor, pois ajuda a criar situações absurdas e engraçadas. No texto, o cronista utiliza o exagero ao descrever a preguiça como algo tão forte que é capaz de fazer as pessoas “ficarem deitadas o dia inteiro, sem fazer nada, nem mesmo se alimentar”. Essa descrição exagerada da preguiça serve para mostrar como ela pode ser paralisante e nociva para a vida das pessoas.

Conclusão

Em resumo, o cronista utilizou diversos elementos para gerar humor em seu texto, como a ironia, a paródia, a personificação e o exagero. Esses elementos serviram para mostrar como a preguiça pode ser vista de forma absurda e até mesmo sagrada, mas na verdade é uma sensação que pode ser prejudicial para a vida das pessoas. Ao utilizar o humor, o cronista conseguiu transmitir uma mensagem importante de forma descontraída e divertida, o que torna seu texto ainda mais eficaz.

FAQs

1. O que é uma crônica?

Uma crônica é um texto curto, geralmente publicado em jornais e revistas, que aborda temas do cotidiano de forma descontraída e bem-humorada.

2. Por que o humor é importante na literatura?

O humor é importante na literatura porque é capaz de prender a atenção e gerar empatia com o leitor. Além disso, o humor pode ser utilizado para transmitir mensagens importantes de forma descontraída e divertida.

3. Quais são os elementos mais comuns utilizados para gerar humor na literatura?

Os elementos mais comuns utilizados para gerar humor na literatura são a ironia, o sarcasmo, a paródia, a personificação, o exagero, entre outros.

Related video of que elementos o cronista utilizou para gerar humor no texto

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait