Olhos De Cigana Oblíqua E Dissimulada Significado

Reza June 16, 2021
Pin em frases

“Olhos de cigana oblíqua e dissimulada” é uma expressão que faz parte do poema “No meio do caminho”, de Carlos Drummond de Andrade. A expressão é uma metáfora que se refere aos olhos de uma mulher que, segundo o poeta, são oblíquos e dissimulados.

Significado da expressão

A expressão “olhos de cigana oblíqua e dissimulada” é uma imagem poética que representa a sedução, o mistério e a traição. As palavras “oblíqua” e “dissimulada” transmitem a ideia de que a mulher é astuta, desconfiada e que esconde seus sentimentos.

A palavra “cigana” também é significativa, pois remete a um estereótipo de mulher misteriosa e sedutora, que é capaz de prever o futuro e de manipular os homens.

Por isso, a expressão “olhos de cigana oblíqua e dissimulada” é uma metáfora que representa a complexidade da natureza feminina, que pode ser ao mesmo tempo fascinante e perigosa.

Contexto do poema

O poema “No meio do caminho” foi publicado em 1928, no livro “Alguma Poesia”. O poema é curto, mas muito conhecido, pois é um dos mais importantes da poesia moderna brasileira. O poema é um marco da poesia modernista brasileira, que rompeu com as tradições literárias do passado e inaugurou uma nova forma de expressão.

O poema “No meio do caminho” é composto por dois versos e um ponto final. O primeiro verso é: “No meio do caminho tinha uma pedra”. O segundo verso é: “Tinha uma pedra no meio do caminho”.

For more information, please click the button below.

O poema é famoso não só por sua simplicidade, mas também por sua ambiguidade. A pedra no meio do caminho pode ser interpretada como um obstáculo físico ou um obstáculo psicológico. O poema é uma reflexão sobre os obstáculos que encontramos na vida e a forma como lidamos com eles.

A expressão “olhos de cigana oblíqua e dissimulada” aparece no último verso do poema, que é: “E eu que estava cansado de caminhar / e sentei no meio-fio / e chorei”.

Análise do poema

O poema “No meio do caminho” é uma síntese do estilo modernista brasileiro, que valoriza a simplicidade e a objetividade. O poema é composto por dois versos que se repetem, mas que são interpretados de forma diferente.

No primeiro verso, a pedra é vista como um obstáculo físico, que impede o caminhante de seguir em frente. No segundo verso, a pedra é vista como um obstáculo psicológico, que representa a angústia e a incerteza do caminhante em relação ao futuro.

A expressão “olhos de cigana oblíqua e dissimulada” aparece no último verso do poema, que é uma reflexão sobre a fragilidade humana. O poema mostra que, diante dos obstáculos da vida, somos todos iguais, vulneráveis e capazes de chorar.

Conclusão

A expressão “olhos de cigana oblíqua e dissimulada” é uma metáfora que representa a complexidade da natureza feminina. A expressão faz parte do poema “No meio do caminho”, de Carlos Drummond de Andrade, que é um marco da poesia modernista brasileira. O poema é uma reflexão sobre os obstáculos da vida e a forma como lidamos com eles.

FAQs

O que é uma metáfora?

Metáfora é uma figura de linguagem que consiste na substituição de uma palavra por outra, com base em uma semelhança ou analogia entre elas. A metáfora é uma forma de linguagem poética que cria uma imagem ou uma ideia por meio da associação de palavras.

O que é o modernismo brasileiro?

O modernismo brasileiro foi um movimento cultural que surgiu no Brasil no final da década de 1910 e se estendeu até a década de 1950. O modernismo brasileiro foi marcado pela valorização da cultura nacional, pela experimentação estética e pela crítica social. O modernismo brasileiro foi um movimento de ruptura com as tradições literárias do passado e uma busca por uma nova forma de expressão.

Qual a importância do poema “No meio do caminho”?

O poema “No meio do caminho” é um dos mais importantes da poesia moderna brasileira. O poema é uma síntese do estilo modernista brasileiro, que valoriza a simplicidade e a objetividade. O poema é uma reflexão sobre os obstáculos da vida e a forma como lidamos com eles.

Related video of olhos de cigana oblíqua e dissimulada significado

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait