O Volume De Uma Piscina Em Forma De Prisma

Reza June 19, 2021
sabendo que a piscina olímpica do parque Maria Lenk tem o formato de um

Para entendermos o volume de uma piscina em forma de prisma, é preciso primeiro entender o que é um prisma. Prisma é um sólido geométrico que tem duas bases iguais e paralelas, e as demais faces são retângulos ou quadrados. Ou seja, um prisma é uma forma tridimensional que tem uma base e uma altura.

Como calcular o volume de um prisma?

Para calcular o volume de um prisma, é preciso multiplicar a área da base pela altura. Por exemplo, se a base do prisma é um retângulo de 4 metros por 3 metros e a altura é de 2 metros, o volume seria:

Volume = área da base x altura

Volume = 4 x 3 x 2

Volume = 24 metros cúbicos

Como essa fórmula se aplica a piscinas em forma de prisma?

Se considerarmos uma piscina em forma de prisma, o cálculo do volume é o mesmo que o de um prisma comum. A única diferença é que a base agora é a área da piscina, e a altura é a profundidade da água.

For more information, please click the button below.

Por exemplo, se a piscina tem uma base retangular de 6 metros por 4 metros e uma profundidade de 2 metros, o volume seria:

Volume = área da base x altura

Volume = 6 x 4 x 2

Volume = 48 metros cúbicos

Isso significa que essa piscina, quando cheia até a borda, tem um volume de 48 metros cúbicos de água.

Como calcular o volume de uma piscina em forma de prisma com base diferente de um retângulo?

Se a base da piscina em forma de prisma não for um retângulo, o cálculo do volume é um pouco mais complexo.

Por exemplo, se a base da piscina é um triângulo, é preciso calcular a área do triângulo antes de aplicar a fórmula. A área do triângulo é calculada pela fórmula:

Área do triângulo = base x altura / 2

Depois de calcular a área do triângulo, basta multiplicar pela altura da piscina para obter o volume total.

Se a base da piscina é um polígono regular, é preciso calcular a área do polígono antes de aplicar a fórmula. A área do polígono regular é calculada pela fórmula:

Área do polígono regular = (perímetro x apótema) / 2

Onde o perímetro é a soma dos lados e o apótema é a distância do centro do polígono até o meio de um dos lados.

Depois de calcular a área do polígono regular, basta multiplicar pela altura da piscina para obter o volume total.

Por que é importante calcular o volume de uma piscina em forma de prisma?

Calcular o volume de uma piscina em forma de prisma é importante por vários motivos:

  • Permite saber a quantidade exata de água necessária para encher a piscina;
  • Ajuda a escolher o tamanho adequado de bomba e filtro para a piscina;
  • Facilita o tratamento da água, já que é possível calcular a quantidade exata de produtos químicos necessários;
  • Permite calcular o tempo necessário para encher a piscina;
  • Auxilia na manutenção da piscina, já que é possível saber a frequência e quantidade de água que deve ser trocada.

Qual é a unidade de medida usada para medir o volume de uma piscina em forma de prisma?

O volume de uma piscina em forma de prisma é medido em metros cúbicos (m³). Essa unidade de medida é usada para medir o volume de qualquer objeto tridimensional.

Qual é a importância de manter o volume de água em uma piscina?

Manter o volume de água em uma piscina é importante por vários motivos:

  • Evita que a bomba e o filtro funcionem de forma inadequada, o que pode afetar a qualidade da água;
  • Ajuda a manter o equilíbrio químico da água, o que é importante para a saúde dos banhistas;
  • Permite que a piscina seja usada de forma adequada, já que a profundidade pode ser afetada pela quantidade de água;
  • Facilita a limpeza da piscina, já que é mais fácil remover detritos e sujeiras com a quantidade adequada de água.

Conclusão

Calcular o volume de uma piscina em forma de prisma é importante para garantir a qualidade da água e o funcionamento adequado da piscina. É preciso considerar a base da piscina e a altura da água para chegar a um resultado preciso. Além disso, é importante manter o volume de água adequado para garantir a saúde dos banhistas e facilitar a manutenção da piscina.

FAQs

1. Qual é a relação entre o volume da piscina e a capacidade de pessoas que ela pode comportar?

Não há uma relação direta entre o volume da piscina e a capacidade de pessoas que ela pode comportar. Isso porque a capacidade da piscina depende não apenas do volume, mas também da forma da piscina, da profundidade, do espaço disponível ao redor da piscina, entre outros fatores.

2. Como calcular a quantidade de água necessária para encher a piscina?

Para calcular a quantidade de água necessária para encher a piscina, basta multiplicar o volume da piscina pela densidade da água. A densidade da água é de cerca de 1 kg/litro ou 1000 kg/m³. Ou seja, se a piscina tem um volume de 50 metros cúbicos, seria necessário encher com cerca de 50.000 litros de água.

3. É possível calcular o volume de uma piscina em forma de prisma com profundidade variável?

Sim, é possível calcular o volume de uma piscina em forma de prisma com profundidade variável, desde que se saiba a profundidade em cada ponto da piscina. Nesse caso, é preciso dividir a piscina em seções e calcular o volume de cada seção separadamente, usando a fórmula de área da base x altura.

Related video of o volume de uma piscina em forma de prisma

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait