O Que São Livros Sinóticos

Reza August 11, 2021
Evangelhos Sinóticos à luz das ciências sociais Paulus Editora

Os livros sinóticos são os primeiros três evangelhos do Novo Testamento: Mateus, Marcos e Lucas. Eles são chamados de sinóticos porque apresentam muitos dos mesmos eventos em suas narrativas, muitas vezes usando as mesmas palavras ou frases. A palavra “sinótico” vem do grego “synoptikos”, que significa “ver juntos”.

Características dos livros sinóticos

Os evangelhos sinóticos têm várias características em comum. Aqui estão algumas das principais:

  • Os três evangelhos começam com o ministério de João Batista e o batismo de Jesus.
  • Os três evangelhos relatam eventos semelhantes na vida de Jesus, como a cura de cegos e a ressurreição de Lázaro.
  • Os três evangelhos usam muitas das mesmas palavras e frases, muitas vezes em ordem semelhante.
  • Os três evangelhos seguem uma estrutura semelhante, com Jesus viajando e pregando em várias cidades antes de ser preso, julgado e crucificado.

Embora os evangelhos sinóticos tenham muitas semelhanças, eles também têm diferenças significativas. Por exemplo, o Evangelho de Marcos é o mais curto e focado na ação, enquanto o Evangelho de Lucas é o mais longo e inclui mais ensinamentos de Jesus. O Evangelho de Mateus é o mais estruturado e organizado em torno de temas, como as parábolas de Jesus e os ensinamentos sobre o Reino de Deus.

Importância dos livros sinóticos

Os evangelhos sinóticos são importantes porque nos dão uma visão única da vida e ensinamentos de Jesus. Eles nos mostram como Jesus ensinou, curou e interagiu com as pessoas ao seu redor. Eles também nos dão uma compreensão mais profunda da mensagem de Jesus sobre o amor, a justiça e a salvação.

Além disso, os evangelhos sinóticos nos ajudam a entender a história da Igreja primitiva e como ela se desenvolveu ao longo do tempo. Eles nos mostram como os primeiros cristãos entenderam a vida e a mensagem de Jesus e como eles aplicaram esses ensinamentos em suas próprias vidas.

Conclusão

Os livros sinóticos são uma parte crucial do Novo Testamento e da história do cristianismo. Eles nos dão uma visão única da vida e ensinamentos de Jesus e nos ajudam a entender a mensagem central do cristianismo. Embora eles tenham muitas semelhanças, cada um dos evangelhos sinóticos é único em sua própria maneira e oferece algo valioso para nossa compreensão da fé cristã.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. Por que os evangelhos sinóticos são importantes?

Os evangelhos sinóticos são importantes porque nos dão uma visão única da vida e ensinamentos de Jesus. Eles nos mostram como Jesus ensinou, curou e interagiu com as pessoas ao seu redor. Eles também nos dão uma compreensão mais profunda da mensagem de Jesus sobre o amor, a justiça e a salvação.

2. Por que os evangelhos sinóticos são chamados assim?

Os evangelhos sinóticos são chamados assim porque apresentam muitos dos mesmos eventos em suas narrativas, muitas vezes usando as mesmas palavras ou frases. A palavra “sinótico” vem do grego “synoptikos”, que significa “ver juntos”.

3. Qual é a diferença entre os evangelhos sinóticos?

Embora os evangelhos sinóticos tenham muitas semelhanças, eles também têm diferenças significativas. Por exemplo, o Evangelho de Marcos é o mais curto e focado na ação, enquanto o Evangelho de Lucas é o mais longo e inclui mais ensinamentos de Jesus. O Evangelho de Mateus é o mais estruturado e organizado em torno de temas, como as parábolas de Jesus e os ensinamentos sobre o Reino de Deus.

Related video of o que são livros sinóticos

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait