Nas Angiospermas Além Da Fertilização Da Oosfera

Reza September 22, 2022
Angiospermas definição, reprodução e classificação

As angiospermas, também conhecidas como plantas com flores, são um grupo diverso e importante de plantas que dominam muitos ecossistemas terrestres. Elas são caracterizadas pela presença de um órgão reprodutivo especializado, a flor, que é responsável pela produção de sementes. A fertilização da oosfera é um processo fundamental na reprodução das angiospermas, mas há outros eventos importantes que ocorrem após a fertilização e que são cruciais para o desenvolvimento e sobrevivência da planta.

Fertilização da oosfera

A fertilização da oosfera é o processo pelo qual um gameta masculino se une a uma oosfera para formar um zigoto. Nas angiospermas, o gameta masculino é o núcleo do grão de pólen, que é produzido nos estames da flor. O grão de pólen é transportado até o estigma, parte da flor que contém o ovário, onde ocorre a germinação do grão de pólen e a liberação do núcleo masculino. O núcleo masculino então se move através do estilete e chega à oosfera, onde ocorre a fertilização.

Formação do endosperma

Após a fertilização da oosfera, ocorre a formação do endosperma. O endosperma é um tecido nutritivo que se desenvolve a partir da fusão dos núcleos masculino e feminino adicionais presentes no saco embrionário da planta. O endosperma fornece nutrientes para o embrião em desenvolvimento e para a semente madura. Em algumas espécies de angiospermas, o endosperma é absorvido pelo embrião, enquanto em outras ele permanece na semente madura.

Desenvolvimento do embrião

Após a fertilização da oosfera e a formação do endosperma, ocorre o desenvolvimento do embrião. O embrião é o precursor da planta adulta e consiste em uma série de células que se dividem e se diferenciam para formar os tecidos e órgãos da planta. O embrião é protegido pelo endosperma e pelo tegumento, uma camada de células que envolve a semente.

Formação da semente

A formação da semente é o processo pelo qual o embrião e o endosperma são encapsulados pelo tegumento para formar uma estrutura completa. A semente madura é composta pelo embrião, o endosperma e o tegumento, e é capaz de sobreviver em condições adversas até que as condições se tornem favoráveis para sua germinação e crescimento.

Produção de frutos

Após a fertilização da oosfera e a formação do embrião e do endosperma, a flor se transforma em um fruto. O fruto é uma estrutura que protege a semente e ajuda na sua dispersão. Os frutos podem ser secos ou carnosos, e sua forma e tamanho variam amplamente entre as espécies de angiospermas. Alguns frutos são comestíveis e são importantes fontes de alimento para animais e humanos.

For more information, please click the button below.

Conclusão

As angiospermas são plantas com flores que dominam muitos ecossistemas terrestres. Além da fertilização da oosfera, a formação do endosperma, o desenvolvimento do embrião, a formação da semente e a produção de frutos são processos fundamentais na reprodução e sobrevivência dessas plantas. O conhecimento desses processos é importante para entender a ecologia e a evolução das angiospermas, bem como para aprimorar as técnicas de cultivo e melhorar a produção de alimentos e outras matérias-primas.

FAQs

1. Todas as angiospermas produzem frutos?

Não, nem todas as angiospermas produzem frutos. Algumas espécies produzem sementes soltas, sem qualquer estrutura que as proteja ou ajude na sua dispersão. Outras espécies produzem estruturas semelhantes a frutos, mas que não são consideradas frutos do ponto de vista botânico.

2. O endosperma é sempre absorvido pelo embrião?

Não, o endosperma nem sempre é absorvido pelo embrião. Em algumas espécies de angiospermas, o endosperma permanece na semente madura e continua a fornecer nutrientes para o embrião durante a germinação e o crescimento inicial da planta.

3. Qual é a função do fruto na reprodução das angiospermas?

O fruto tem várias funções na reprodução das angiospermas. Ele protege a semente contra danos mecânicos e patógenos, ajuda na dispersão da semente e fornece nutrientes para o embrião em desenvolvimento. Alguns frutos comestíveis também são importantes fontes de alimento para animais e humanos, o que pode ajudar a garantir a sobrevivência e disseminação das espécies de angiospermas que os produzem.

Related video of nas angiospermas além da fertilização da oosfera

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait