Na Eletrosfera De Um Átomo De Magnésio

Reza January 5, 2022
magnesium electron configuration Newton Desk

O que é a eletrosfera de um átomo?

A eletrosfera é a região exterior de um átomo onde os elétrons estão localizados. É composta por um ou mais níveis de energia, também conhecidos como orbitais. Cada orbital pode conter um número máximo de elétrons, dependendo do tipo de átomo e do nível de energia em questão.

Como é a eletrosfera de um átomo de magnésio?

O átomo de magnésio possui 12 elétrons, distribuídos em três níveis de energia: dois na camada K, oito na camada L e dois na camada M. A camada K é a mais próxima do núcleo e é composta por um único subnível, chamado de 1s. A camada L é a segunda mais próxima do núcleo e possui dois subníveis: o 2s e o 2p. A camada M é a mais externa e possui apenas um subnível, o 3s. Os elétrons na eletrosfera de um átomo de magnésio são distribuídos de acordo com o princípio da distribuição eletrônica de Pauli, que estabelece que cada elétron em um átomo deve ter um conjunto único de números quânticos. Esses números quânticos determinam a energia, a orientação e a posição do elétron em relação ao núcleo.

Camada K

A camada K do átomo de magnésio é composta por dois elétrons, que ocupam o orbital 1s. Esse orbital tem a forma de uma esfera e é o mais próximo do núcleo, o que significa que os elétrons na camada K têm a menor energia de todos os elétrons no átomo de magnésio.

Camada L

A camada L é composta por oito elétrons, sendo dois no orbital 2s e seis no orbital 2p. O orbital 2s tem a forma de uma esfera maior do que o orbital 1s e está mais afastado do núcleo. Os orbitais 2p têm a forma de três lóbulos com orientações diferentes, que se estendem em diferentes direções no espaço.

Camada M

A camada M é a mais externa e possui dois elétrons no orbital 3s. Esse orbital tem a forma de uma esfera maior do que os orbitais 1s e 2s e está ainda mais afastado do núcleo. Os elétrons no orbital 3s têm a energia mais alta de todos os elétrons no átomo de magnésio.

Qual é a importância da eletrosfera de um átomo?

A eletrosfera é importante porque determina as propriedades químicas de um átomo. Os elétrons na eletrosfera são responsáveis pelas interações químicas entre os átomos, incluindo ligações covalentes, ligações iônicas e forças intermoleculares. A forma como os elétrons são distribuídos na eletrosfera de um átomo determina sua reatividade química, sua capacidade de formar ligações químicas e suas propriedades físicas, como ponto de fusão e ponto de ebulição.

For more information, please click the button below.

Como a eletrosfera de um átomo de magnésio afeta suas propriedades químicas?

O átomo de magnésio tem duas camadas ocupadas, o que o torna um elemento do grupo 2 da tabela periódica. Isso significa que ele tem dois elétrons na camada externa, o que o torna altamente reativo e capaz de formar ligações iônicas com outros elementos. Quando o átomo de magnésio perde seus dois elétrons externos, ele se torna um cátion com uma carga positiva de +2. O íon magnésio é importante na química biológica, pois é essencial para muitas reações enzimáticas e é um componente importante dos ossos e dentes. O magnésio também é usado em ligas metálicas e na produção de produtos químicos como fertilizantes e vidro.

Como a eletrosfera de um átomo de magnésio pode ser estudada?

A eletrosfera de um átomo de magnésio pode ser estudada por meio de espectroscopia de fotoelétrons. Essa técnica envolve a emissão de elétrons de um átomo ou molécula por meio da incidência de luz de alta energia, como raios X ou radiação ultravioleta. A energia dos elétrons emitidos é medida e usada para determinar as energias dos níveis de energia na eletrosfera. Outra técnica usada para estudar a eletrosfera de um átomo é a espectroscopia de emissão atômica. Essa técnica envolve a excitação de elétrons em um átomo por meio de uma chama ou descarga elétrica. Quando os elétrons retornam a um nível de energia mais baixo, eles emitem luz em certas frequências, que podem ser usadas para identificar os elementos presentes em uma amostra.

Conclusão

A eletrosfera de um átomo de magnésio é composta por três camadas de elétrons, cada uma com um conjunto único de números quânticos que determinam sua energia, orientação e posição em relação ao núcleo. A distribuição dos elétrons na eletrosfera de um átomo determina suas propriedades químicas e físicas, incluindo sua capacidade de formar ligações químicas e sua reatividade química. O estudo da eletrosfera de um átomo de magnésio pode ser realizado por meio de técnicas como espectroscopia de fotoelétrons e espectroscopia de emissão atômica.

FAQs

1. O que é um átomo?

Um átomo é a menor unidade de um elemento químico que possui as propriedades desse elemento. É composto por um núcleo central, que contém prótons e nêutrons, e uma eletrosfera externa, que contém elétrons.

2. O que são números quânticos?

Os números quânticos são um conjunto de quatro números que descrevem o estado quântico de um elétron em um átomo. Eles incluem o número quântico principal, o número quântico secundário, o número quântico magnético e o número quântico de spin.

3. Qual é a importância do magnésio na nutrição humana?

O magnésio é um mineral essencial na nutrição humana, pois é necessário para muitas reações enzimáticas no corpo. Ele desempenha um papel importante na saúde óssea, na função muscular e nervosa e no controle da glicemia. A deficiência de magnésio pode levar a uma série de problemas de saúde, incluindo osteoporose, hipertensão arterial e diabetes tipo 2.

Related video of na eletrosfera de um átomo de magnésio

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait