Mapa Mental Da Segunda Lei De Mendel

Reza September 4, 2021
MAPA MENTAL SEGUNDA LEI DE MENDEL Biomais DNA Prof. Kátia Queiroz

A Segunda Lei de Mendel, também conhecida como Lei da Segregação Independente, é um princípio fundamental da genética que descreve como os traços hereditários são transmitidos de geração em geração. Neste mapa mental, vamos explorar os conceitos-chave dessa lei e como ela influencia a hereditariedade.

O que é a Segunda Lei de Mendel?

A Segunda Lei de Mendel é um princípio da genética que descreve como os traços hereditários são transmitidos de uma geração para outra. Essa lei afirma que, durante a formação de gametas, os alelos de um gene se separam independentemente uns dos outros. Isso significa que, durante a formação dos gametas, um indivíduo pode transmitir qualquer combinação de alelos para seus descendentes, independentemente da combinação que ele próprio recebeu de seus pais.

Quais são os conceitos-chave da Segunda Lei de Mendel?

Existem alguns conceitos-chave que são importantes para entender a Segunda Lei de Mendel:

  • Alelo: Uma das variantes de um gene que determina um traço hereditário.
  • Heterozigoto: Um indivíduo que possui dois alelos diferentes para um gene específico.
  • Homozygoto: Um indivíduo que possui dois alelos idênticos para um gene específico.
  • Dominante: Um alelo que expressa seu traço hereditário mesmo quando presente em apenas uma cópia.
  • Recessivo: Um alelo que só expressa seu traço hereditário quando presente em duas cópias.
  • Genótipo: A combinação de alelos de um indivíduo para um gene específico.
  • Fenótipo: A manifestação física ou funcional de um traço hereditário.

Como a Segunda Lei de Mendel influencia a hereditariedade?

A Segunda Lei de Mendel explica como os alelos são segregados durante a formação de gametas e como essa segregação afeta a hereditariedade. Quando um indivíduo produz gametas, os alelos de um gene se separam independentemente uns dos outros, de modo que cada gameta carrega apenas um alelo para esse gene. Como resultado, quando dois indivíduos se reproduzem, seus descendentes podem herdar qualquer combinação de alelos para um gene específico.

Por exemplo, considere um casal em que um indivíduo é heterozigoto (Aa) para um gene que determina a cor dos olhos e o outro é homozigoto recessivo (aa). De acordo com a Segunda Lei de Mendel, o indivíduo heterozigoto produzirá gametas que contêm alelos A e a em proporções iguais, enquanto o indivíduo homozigoto recessivo produzirá gametas que contêm apenas o alelo a. Quando esses gametas se combinam para produzir descendentes, a probabilidade de cada descendente herdar o alelo A ou o alelo a é de 50%. Isso significa que a probabilidade de um descendente ser heterozigoto (Aa) é de 50% e a probabilidade de ser homozigoto recessivo (aa) é de 50%.

Quais são as aplicações da Segunda Lei de Mendel?

A Segunda Lei de Mendel é um princípio fundamental da genética e tem várias aplicações práticas. Algumas dessas aplicações incluem:

For more information, please click the button below.
  • Previsão de riscos genéticos: Com base nos padrões de hereditariedade descritos pela Segunda Lei de Mendel, os médicos podem prever o risco de uma pessoa desenvolver uma doença genética com base em seu genótipo.
  • Criação de plantas e animais melhorados: A Segunda Lei de Mendel é fundamental para a criação seletiva de plantas e animais para melhorar traços específicos, como tamanho, cor ou sabor.
  • Diagnóstico de doenças genéticas: A Segunda Lei de Mendel é usada em testes genéticos para diagnosticar doenças genéticas e identificar portadores de doenças.

Conclusão

A Segunda Lei de Mendel é um princípio fundamental da genética que descreve como os traços hereditários são transmitidos de uma geração para outra. Essa lei afirma que, durante a formação de gametas, os alelos de um gene se separam independentemente uns dos outros, o que significa que um indivíduo pode transmitir qualquer combinação de alelos para seus descendentes. Compreender a Segunda Lei de Mendel é essencial para entender a hereditariedade e suas aplicações práticas na medicina, na agricultura e em outras áreas.

FAQs

O que Mendel descobriu na Segunda Lei?

Mendel descobriu que durante a formação de gametas, os alelos de um gene se separam independentemente uns dos outros. Isso significa que um indivíduo pode transmitir qualquer combinação de alelos para seus descendentes, independentemente da combinação que ele próprio recebeu de seus pais.

Qual é a diferença entre a primeira e a segunda lei de Mendel?

A Primeira Lei de Mendel, também conhecida como Lei da Segregação, afirma que os alelos de um gene se separam durante a formação de gametas, de modo que cada gameta carrega apenas um alelo para cada gene. A Segunda Lei de Mendel, também conhecida como Lei da Segregação Independente, afirma que os alelos de diferentes genes se separam independentemente uns dos outros durante a formação de gametas.

Como a Segunda Lei de Mendel é usada na criação de plantas e animais melhorados?

A Segunda Lei de Mendel é usada na criação seletiva de plantas e animais para melhorar traços específicos, como tamanho, cor ou sabor. Os criadores selecionam indivíduos com os traços desejados e cruzam esses indivíduos entre si para produzir descendentes com uma combinação ideal de alelos. Ao longo do tempo, esse processo pode levar à criação de variedades de plantas e animais com características aprimoradas.

Related video of mapa mental da segunda lei de mendel

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait