Mapa Mental Da Baixa Idade Média

Reza December 7, 2022
Baixa Idade Media Mapa Mental Guma

A Baixa Idade Média é um período histórico que se estendeu do século XI ao século XV. É caracterizado por uma série de mudanças significativas na Europa Ocidental, incluindo o crescimento populacional, a expansão do comércio e das cidades, o surgimento de uma classe média urbana, o renascimento do saber clássico e a consolidação das monarquias nacionais. Neste artigo, vamos apresentar um mapa mental da Baixa Idade Média, que ajudará a entender melhor as principais características e eventos deste período.

Principais Características da Baixa Idade Média

Antes de apresentar o mapa mental da Baixa Idade Média, é importante destacar as principais características deste período histórico:

  • Crescimento populacional
  • Expansão do comércio e das cidades
  • Surgimento de uma classe média urbana
  • Renascimento do saber clássico
  • Consolidação das monarquias nacionais
  • Guerras e conflitos religiosos

Mapa Mental da Baixa Idade Média

Aqui está o mapa mental da Baixa Idade Média:

Crescimento Populacional

Uma das principais características da Baixa Idade Média foi o crescimento populacional na Europa Ocidental. Isso se deveu a uma série de fatores, incluindo o aumento da produção agrícola, a melhoria das condições sanitárias e o avanço da medicina.

Esse crescimento populacional teve consequências significativas, como a expansão das cidades, o aumento da demanda por alimentos e a necessidade de novas terras cultiváveis. Além disso, o crescimento populacional também levou a conflitos e migrações em busca de novas oportunidades.

For more information, please click the button below.

Expansão do Comércio e das Cidades

Com o crescimento populacional e o avanço da tecnologia, houve uma expansão do comércio e das cidades na Baixa Idade Média. As cidades se tornaram centros de comércio e produção, atraindo artesãos, comerciantes e trabalhadores.

Essa expansão do comércio e das cidades teve consequências significativas, como o surgimento de uma nova classe social: a classe média urbana. Essa classe era formada por comerciantes, artesãos e profissionais liberais, e se tornou uma força política e econômica importante na Europa Ocidental.

Surgimento de uma Classe Média Urbana

A classe média urbana surgiu na Baixa Idade Média como resultado da expansão do comércio e das cidades. Essa classe social era formada por comerciantes, artesãos e profissionais liberais, e se tornou uma força política e econômica importante na Europa Ocidental.

A classe média urbana tinha uma visão mais secular do mundo do que a nobreza e o clero, e defendia ideias como a liberdade individual, a igualdade perante a lei e a meritocracia. Essas ideias influenciaram o surgimento do humanismo e do iluminismo, que foram movimentos importantes na história europeia.

Renascimento do Saber Clássico

Na Baixa Idade Média, houve um renascimento do saber clássico, que teve um papel importante no desenvolvimento do pensamento europeu. Os estudiosos europeus redescobriram as obras dos filósofos gregos e romanos, e começaram a estudar e interpretar essas obras.

Esse renascimento do saber clássico teve consequências significativas, como o surgimento do humanismo, que valorizava o estudo das artes liberais, como a gramática, a retórica e a filosofia. Além disso, o renascimento do saber clássico também teve um papel importante na Reforma Protestante, que foi um movimento religioso e político que questionou a autoridade da Igreja Católica.

Consolidação das Monarquias Nacionais

Na Baixa Idade Média, ocorreu a consolidação das monarquias nacionais na Europa Ocidental. Isso se deveu a uma série de fatores, incluindo o declínio do feudalismo e o fortalecimento das cidades e da classe média urbana.

As monarquias nacionais eram formadas por reis que detinham o poder centralizado, e tinham como objetivo unificar os seus territórios, fortalecer a sua autoridade e expandir o seu poder. Essas monarquias foram importantes para o desenvolvimento do Estado moderno na Europa Ocidental.

Guerras e Conflitos Religiosos

A Baixa Idade Média foi marcada por uma série de guerras e conflitos religiosos na Europa Ocidental. Um dos conflitos mais importantes foi a Guerra dos Cem Anos (1337-1453), que foi travada entre a França e a Inglaterra.

Além disso, a Baixa Idade Média também foi marcada pelo conflito entre a Igreja Católica e a Reforma Protestante. Esse conflito levou a uma série de guerras religiosas, como as Guerras de Religião na França (1562-1598), que foram travadas entre católicos e protestantes.

Conclusão

A Baixa Idade Média foi um período histórico marcado por mudanças significativas na Europa Ocidental. O crescimento populacional, a expansão do comércio e das cidades, o surgimento de uma classe média urbana, o renascimento do saber clássico e a consolidação das monarquias nacionais foram algumas das principais características deste período.

Além disso, a Baixa Idade Média também foi marcada por conflitos e guerras religiosas, que tiveram um papel importante no desenvolvimento da história europeia.

FAQs

1. O que é a Baixa Idade Média?

A Baixa Idade Média é um período histórico que se estendeu do século XI ao século XV na Europa Ocidental. É caracterizado por uma série de mudanças significativas, incluindo o crescimento populacional, a expansão do comércio e das cidades, o surgimento de uma classe média urbana, o renascimento do saber clássico e a consolidação das monarquias nacionais.

2. Qual foi o papel da classe média urbana na Baixa Idade Média?

A classe média urbana surgiu na Baixa Idade Média como resultado da expansão do comércio e das cidades. Essa classe social era formada por comerciantes, artesãos e profissionais liberais, e se tornou uma força política e econômica importante na Europa Ocidental. A classe média urbana tinha uma visão mais secular do mundo do que a nobreza e o clero, e defendia ideias como a liberdade individual, a igualdade perante a lei e a meritocracia.

3. Quais foram os principais conflitos religiosos na Baixa Idade Média?

A Baixa Idade Média foi marcada por uma série de guerras e conflitos religiosos na Europa Ocidental. Um dos conflitos mais importantes foi a Guerra dos Cem Anos (1337-1453), que foi travada entre a França e a Inglaterra. Além disso, a Baixa Idade Média também foi marcada pelo conflito entre a Igreja Católica e a Reforma Protestante. Esse conflito levou a uma série de guerras religiosas, como as Guerras de Religião na França (1562-1598), que foram travadas entre católicos e protestantes.

Related video of mapa mental da baixa idade média

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait