Formação Da Personalidade Segundo Freud

Reza April 23, 2023
Mapa Conceitual De Freud Ancesa

Sigmund Freud foi um dos mais influentes psicanalistas da história. Ele desenvolveu uma teoria complexa sobre a mente humana, com ênfase na ideia de que a personalidade é formada por um conflito entre impulsos internos e demandas externas. A seguir, vamos explorar os conceitos centrais da teoria de Freud sobre a formação da personalidade.

Id, Ego e Superego

Freud acreditava que a personalidade é formada por três componentes principais: id, ego e superego. O id é a fonte dos nossos instintos e impulsos mais primitivos, como a fome e a sede. O ego é responsável por mediar entre as demandas do id e as demandas da realidade externa. O superego é a voz da consciência, que internalizamos a partir das figuras de autoridade em nossas vidas.

De acordo com Freud, o ego se desenvolve a partir do id, à medida que a criança aprende a lidar com as demandas externas. O superego se desenvolve a partir do ego, à medida que a criança internaliza as regras e expectativas da sociedade e das figuras de autoridade em sua vida.

Estágios de Desenvolvimento

Freud identificou várias fases do desenvolvimento infantil, cada uma marcada por conflitos específicos entre as demandas internas e externas. Essas fases são:

  1. Fase Oral: dos 0 aos 18 meses. Nesta fase, a criança obtém prazer através da boca, seja amamentando ou colocando objetos na boca. O conflito central é o desmame.
  2. Fase Anal: dos 18 meses aos 3 anos. Nesta fase, a criança obtém prazer através da eliminação, seja urinando ou defecando. O conflito central é o treinamento para o controle dos esfíncteres.
  3. Fase Fálica: dos 3 aos 6 anos. Nesta fase, a criança descobre diferenças sexuais e experimenta curiosidade sexual. O conflito central é o Complexo de Édipo, no qual a criança desenvolve sentimentos de amor pelo pai ou mãe do sexo oposto e rivalidade com o pai ou mãe do mesmo sexo.
  4. Fase de Latência: dos 6 aos 12 anos. Nesta fase, a sexualidade fica reprimida e a criança se concentra em atividades escolares e amizades.
  5. Fase Genital: dos 12 anos em diante. Nesta fase, a sexualidade se torna ativa novamente e a pessoa busca relacionamentos íntimos com outras pessoas.

Mecanismos de Defesa

Freud também propôs que a mente tem vários mecanismos de defesa que são usados para lidar com a ansiedade e o estresse emocional. Alguns desses mecanismos incluem:

  • Repressão: empurrar pensamentos e emoções desagradáveis para o inconsciente.
  • Negação: recusar-se a aceitar a realidade de uma situação estressante.
  • Racionalização: justificar comportamentos ou pensamentos desagradáveis com explicações lógicas.
  • Projeção: atribuir sentimentos ou impulsos indesejáveis a outra pessoa.
  • Sublimação: redirecionar impulsos indesejáveis em comportamentos socialmente aceitáveis.

Conclusão

Em resumo, a teoria de Freud sobre a formação da personalidade enfatiza a importância das primeiras experiências da vida na formação de nossas emoções, comportamentos e pensamentos. Através de conflitos internos e externos, o ego e o superego se desenvolvem para mediar os impulsos primitivos do id e nos ajudar a lidar com as demandas da sociedade. Embora a teoria de Freud seja controversa e tenha sido criticada por outros psicólogos, sua influência na psicologia e cultura popular ainda é amplamente sentida hoje em dia.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. A teoria de Freud é amplamente aceita pelos psicólogos hoje em dia?

Não, a teoria de Freud é controversa e é amplamente debatida pelos psicólogos hoje em dia. Muitos psicólogos questionam suas ideias sobre a sexualidade infantil e a natureza do inconsciente. No entanto, a teoria de Freud ainda é considerada uma das mais influentes na história da psicologia e continua a ser estudada e discutida.

2. Quais são as críticas mais comuns à teoria de Freud?

Algumas das críticas mais comuns à teoria de Freud incluem sua ênfase excessiva na sexualidade infantil, sua falta de evidências empíricas e sua visão determinista da personalidade. Alguns psicólogos também argumentam que a teoria de Freud é baseada em uma compreensão limitada da biologia e da cultura.

3. Como a teoria de Freud influenciou a cultura popular?

A teoria de Freud teve um impacto significativo na cultura popular, especialmente no que diz respeito à ideia do inconsciente. Sua ideia de que nossos pensamentos e comportamentos são influenciados por forças inconscientes tem sido explorada em livros, filmes e programas de TV. Além disso, a ideia do Complexo de Édipo e a importância das primeiras experiências de vida têm sido temas comuns na cultura popular.

Related video of formação da personalidade segundo freud

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait