A Importância Evolutiva Da Segunda Fertilização

Reza May 28, 2021
Como ocorre a fecundação humana? Etapas de desenvolvimento

A fertilização é um processo fundamental para a reprodução sexual dos seres vivos. Basicamente, a fertilização ocorre quando o espermatozoide de um indivíduo se une ao óvulo de outro, formando um zigoto que dará origem a um novo organismo. No entanto, em alguns casos, pode ocorrer mais de uma fertilização, o que pode ter implicações evolutivas significativas.

O que é a segunda fertilização?

A segunda fertilização é um fenômeno relativamente raro, que ocorre quando dois espermatozoides fertilizam um mesmo óvulo. Esse processo resulta em um zigoto triploide, ou seja, com três conjuntos de cromossomos em vez de dois, como normalmente ocorre.

A segunda fertilização pode ocorrer naturalmente em algumas espécies, como algumas plantas e animais aquáticos, mas também pode ser induzida artificialmente em laboratório.

Por que a segunda fertilização é importante evolutivamente?

A segunda fertilização pode ter implicações evolutivas significativas por várias razões. Uma das principais é que ela pode levar à formação de novas espécies. Isso ocorre porque o zigoto triploide não é viável e não pode se desenvolver normalmente, o que significa que ele não pode se reproduzir. No entanto, em alguns casos, o zigoto triploide pode dar origem a um novo tipo de organismo, chamado de apomítico.

Os apomíticos são organismos que se reproduzem assexuadamente, ou seja, sem a necessidade de fertilização. Eles surgem a partir de uma célula-mãe, que se divide em duas ou mais células-filhas que dão origem a novos indivíduos geneticamente idênticos.

A formação de apomíticos a partir de zigotos triploides é importante do ponto de vista evolutivo porque permite a criação de novas linhagens genéticas sem a necessidade de cruzamento com outros indivíduos. Isso aumenta a diversidade genética de uma população e pode levar à formação de novas espécies.

For more information, please click the button below.

Exemplos de apomixia

A apomixia é um fenômeno relativamente comum em algumas plantas, principalmente em espécies que se reproduzem por sementes. Alguns exemplos de plantas que se reproduzem por apomixia são:

  • Citrus
  • Maçã
  • Abacaxi
  • Morango
  • Banana

Alguns animais também são capazes de se reproduzir por apomixia, embora isso seja menos comum do que em plantas. Alguns exemplos de animais que se reproduzem por apomixia são:

  • Certos tipos de lagartos
  • Alguns tipos de peixes
  • Certos tipos de insetos

Implicações da segunda fertilização na agricultura

A segunda fertilização e a formação de apomíticos têm implicações importantes na agricultura. Isso porque os apomíticos são geneticamente idênticos ao organismo-mãe e, portanto, produzem plantas com as mesmas características.

Isso pode ser útil para os agricultores, pois permite a produção de plantas com características desejáveis de forma consistente. Por exemplo, se uma planta de maçã produz frutas grandes e saborosas, um agricultor pode querer produzir mais plantas com essas características. Se a planta-mãe for apomítica, o agricultor pode simplesmente propagar a planta, produzindo novas plantas geneticamente idênticas à planta-mãe.

No entanto, a apomixia também pode ter desvantagens na agricultura, como a falta de diversidade genética. Se todas as plantas em um campo forem geneticamente idênticas, elas serão mais suscetíveis a doenças e pragas, pois não haverá variação genética para resistir a esses fatores.

Conclusão

A segunda fertilização pode parecer um fenômeno estranho e pouco comum, mas suas implicações evolutivas são significativas. A formação de apomíticos a partir de zigotos triploides pode levar à formação de novas espécies e aumentar a diversidade genética de uma população. Além disso, a apomixia pode ser útil na agricultura, permitindo a produção de plantas com características desejáveis de forma consistente. No entanto, a falta de diversidade genética pode ser uma desvantagem da apomixia na agricultura.

FAQ

1. A segunda fertilização é comum em seres humanos?

Não, a segunda fertilização é extremamente rara em seres humanos e geralmente resulta em aborto espontâneo.

2. Todos os zigotos triploides são apomíticos?

Não, nem todos os zigotos triploides são capazes de se desenvolver em apomíticos. Esse processo depende da espécie e de outros fatores.

3. A apomixia é uma forma de clonagem?

Sim, a apomixia é uma forma de clonagem natural, pois produz organismos geneticamente idênticos ao organismo-mãe.

Related video of essa segunda fertilização foi importante evolutivamente

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait