Enem 2017: O Ácido Acetilsalicílico

Reza October 8, 2022
ACETILSALICÍLICO TODA INFORMACIÓN DE ESTE MEDICAMENTO

Introdução

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é uma das provas mais importantes para os jovens brasileiros que desejam ingressar em uma universidade. Em 2017, uma das questões da prova de ciências da natureza abordou o ácido acetilsalicílico, mais conhecido como aspirina. Neste artigo, vamos explicar em detalhes essa questão e falar sobre as propriedades e aplicações do ácido acetilsalicílico.

Questão do Enem 2017

A questão do Enem 2017 sobre o ácido acetilsalicílico era a seguinte: “O ácido acetilsalicílico (AAS) é um fármaco com propriedades analgésicas, antipiréticas e anti-inflamatórias, que age inibindo a síntese de prostaglandinas por meio da inibição irreversível de uma enzima. Essa enzima é: a) a ciclooxigenase-1 (COX-1), que atua na produção de prostaglandinas que protegem o estômago. b) a fosfolipase A2, que atua na liberação do ácido araquidônico para a cascata de síntese de prostaglandinas. c) a ciclooxigenase-2 (COX-2), que atua na produção de prostaglandinas que sensibilizam a dor. d) a lipoxigenase, que atua na produção de leucotrienos que estimulam a contração dos brônquios.” A resposta correta é a letra c), ciclooxigenase-2 (COX-2).

Propriedades do ácido acetilsalicílico

O ácido acetilsalicílico é um fármaco que pertence à classe dos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs). Ele é utilizado para aliviar dores de cabeça, dores musculares, febres e inflamações. Além disso, o ácido acetilsalicílico é um anticoagulante, ou seja, ele impede a formação de coágulos sanguíneos. O ácido acetilsalicílico age inibindo a síntese de prostaglandinas, que são substâncias produzidas pelo organismo em resposta a lesões e inflamações. As prostaglandinas provocam dor, febre e inflamação, e o ácido acetilsalicílico age reduzindo a produção dessas substâncias. Além disso, o ácido acetilsalicílico é um inibidor irreversível da enzima ciclooxigenase-2 (COX-2), que atua na produção de prostaglandinas que sensibilizam a dor. A inibição irreversível significa que o ácido acetilsalicílico se liga permanentemente à COX-2, impedindo que ela produza prostaglandinas. Esse efeito dura até que o organismo produza novas enzimas COX-2.

Aplicações do ácido acetilsalicílico

Por causa de suas propriedades analgésicas, antipiréticas e anti-inflamatórias, o ácido acetilsalicílico é amplamente utilizado para aliviar dores de cabeça, dores musculares, febres e inflamações. Além disso, o ácido acetilsalicílico é um anticoagulante, o que significa que ele é utilizado para prevenir a formação de coágulos sanguíneos. O ácido acetilsalicílico também é utilizado para prevenir doenças cardiovasculares, como ataques cardíacos e derrames. Isso acontece porque o ácido acetilsalicílico impede a formação de coágulos sanguíneos, que podem obstruir as artérias e causar esses problemas. Alguns estudos também sugerem que o ácido acetilsalicílico pode ajudar a prevenir o câncer. Isso acontece porque as prostaglandinas, que são inibidas pelo ácido acetilsalicílico, são produzidas em grandes quantidades em alguns tipos de câncer, contribuindo para o crescimento das células cancerígenas.

Efeitos colaterais do ácido acetilsalicílico

Apesar de seus benefícios, o ácido acetilsalicílico também pode causar efeitos colaterais. Um dos mais comuns é a irritação do estômago, que pode levar a gastrite e úlceras. Por isso, é comum que o ácido acetilsalicílico seja combinado com outros medicamentos, como o hidróxido de alumínio e magnésio, para proteger o estômago. O ácido acetilsalicílico também pode causar hemorragias, especialmente em doses elevadas. Por isso, é importante que o uso do ácido acetilsalicílico seja acompanhado por um médico. Além disso, o ácido acetilsalicílico não é recomendado para crianças com menos de 12 anos, pois pode causar uma doença rara chamada síndrome de Reye, que afeta o cérebro e o fígado.

Conclusão

O ácido acetilsalicílico é um medicamento com propriedades analgésicas, antipiréticas e anti-inflamatórias, que age inibindo a síntese de prostaglandinas por meio da inibição irreversível da enzima COX-2. Além disso, o ácido acetilsalicílico é um anticoagulante e é utilizado para prevenir doenças cardiovasculares. No entanto, o ácido acetilsalicílico também pode causar efeitos colaterais, como irritação do estômago e hemorragias, e não é recomendado para crianças com menos de 12 anos.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. O ácido acetilsalicílico é um medicamento seguro?

O ácido acetilsalicílico é considerado seguro quando usado de acordo com as recomendações médicas. No entanto, ele pode causar efeitos colaterais, como irritação do estômago e hemorragias, por isso é importante que o uso do ácido acetilsalicílico seja acompanhado por um médico.

2. O ácido acetilsalicílico pode ser utilizado para prevenir o câncer?

Alguns estudos sugerem que o ácido acetilsalicílico pode ajudar a prevenir o câncer, mas mais pesquisas são necessárias para confirmar essa hipótese.

3. O ácido acetilsalicílico é recomendado para crianças?

O ácido acetilsalicílico não é recomendado para crianças com menos de 12 anos, pois pode causar uma doença rara chamada síndrome de Reye, que afeta o cérebro e o fígado. Para crianças, é recomendado o uso de outros medicamentos, como o paracetamol.

Related video of enem 2017 o ácido acetilsalicílico

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait