Em Relação Ao Comprimento De Onda, Assinale A Alternativa Verdadeira

Reza April 19, 2021
2. Defina as seguintes características de uma ondaa) Comprimento de

O comprimento de onda é uma das características fundamentais das ondas. Ele é definido como a distância entre dois pontos consecutivos que estão em fase, ou seja, que apresentam a mesma posição de crista e vale.

Existem diferentes tipos de ondas, como as ondas sonoras, as ondas eletromagnéticas, as ondas mecânicas, entre outras. Cada tipo de onda apresenta um comprimento de onda característico, que pode ser medido em diferentes unidades, como metros, nanômetros, angstroms, entre outras.

Neste contexto, a pergunta “em relação ao comprimento de onda, assinale a alternativa verdadeira” pode ter diferentes respostas, dependendo do contexto em que é formulada. A seguir, apresentamos algumas alternativas verdadeiras relacionadas ao comprimento de onda:

Alternativa 1: O comprimento de onda está relacionado à frequência da onda

Uma das relações fundamentais entre o comprimento de onda e outras características das ondas é a relação entre o comprimento de onda e a frequência da onda. A frequência é definida como o número de oscilações completas que a onda realiza em um determinado intervalo de tempo.

A relação entre o comprimento de onda e a frequência é dada pela equação:

c = λ*f

For more information, please click the button below.

onde c é a velocidade da onda (que pode ser a velocidade da luz, no caso das ondas eletromagnéticas), λ é o comprimento de onda e f é a frequência da onda.

Essa relação indica que, para uma determinada velocidade de propagação da onda, quanto maior for o comprimento de onda, menor será a frequência da onda, e vice-versa.

Alternativa 2: O comprimento de onda é inversamente proporcional à energia da onda

Outra relação importante envolvendo o comprimento de onda é a relação entre o comprimento de onda e a energia da onda. Essa relação é inversamente proporcional, o que significa que quanto menor for o comprimento de onda, maior será a energia da onda, e vice-versa.

Essa relação pode ser entendida a partir do fato de que a energia de uma onda é diretamente proporcional à sua frequência, de acordo com a equação:

E = h*f

onde E é a energia da onda, h é a constante de Planck e f é a frequência da onda.

Como vimos na alternativa anterior, a frequência da onda é inversamente proporcional ao comprimento de onda. Portanto, podemos escrever a equação acima como:

E = h*c/λ

Essa equação indica que, para uma velocidade de propagação da onda constante, quanto menor for o comprimento de onda, maior será a energia da onda. Esse é o caso das ondas eletromagnéticas, por exemplo, em que as ondas de menor comprimento de onda (como os raios X e os raios gama) apresentam maior energia do que as ondas de maior comprimento de onda (como as ondas de rádio).

Alternativa 3: O comprimento de onda das ondas sonoras determina sua frequência audível pelo ser humano

No caso das ondas sonoras, o comprimento de onda é uma das características que determinam a frequência audível pelo ser humano. As ondas sonoras são ondas mecânicas que se propagam através de um meio material, como o ar ou a água.

A frequência das ondas sonoras é medida em hertz (Hz) e determina a altura do som, ou seja, se ele é agudo ou grave. O ouvido humano é capaz de perceber sons com frequências entre 20 Hz e 20.000 Hz, aproximadamente.

Para que uma onda sonora seja audível pelo ser humano, ela precisa ter um comprimento de onda correspondente à distância entre as estruturas do ouvido interno que são sensíveis às ondas sonoras. Essa distância é da ordem de alguns milímetros, o que significa que as ondas sonoras audíveis pelo ser humano apresentam comprimentos de onda da ordem de alguns centímetros a alguns milímetros.

Por isso, as ondas sonoras de baixa frequência (ou seja, com comprimentos de onda mais longos) são percebidas como sons graves, enquanto as ondas sonoras de alta frequência (ou seja, com comprimentos de onda mais curtos) são percebidas como sons agudos.

Conclusão

O comprimento de onda é uma das características fundamentais das ondas, que está relacionada a outras características como a frequência e a energia da onda. No caso das ondas sonoras, o comprimento de onda determina a frequência audível pelo ser humano, enquanto que no caso das ondas eletromagnéticas, o comprimento de onda está relacionado à energia da onda. É importante entender essas relações para compreender melhor as propriedades e aplicações das diferentes tipos de ondas.

FAQs

1. Como medir o comprimento de onda de uma onda?

O comprimento de onda de uma onda pode ser medido a partir da distância entre dois pontos consecutivos que apresentam a mesma posição de crista e vale. Essa medida pode ser feita utilizando instrumentos como um osciloscópio ou um espectrômetro.

2. Qual é a relação entre o comprimento de onda e a velocidade da onda?

A relação entre o comprimento de onda e a velocidade da onda é dada pela equação:

c = λ*f

onde c é a velocidade da onda, λ é o comprimento de onda e f é a frequência da onda. Essa equação indica que, para uma determinada velocidade de propagação da onda, quanto maior for o comprimento de onda, menor será a frequência da onda, e vice-versa.

3. Por que as ondas sonoras de baixa frequência são percebidas como sons graves?

As ondas sonoras de baixa frequência apresentam comprimentos de onda mais longos, o que significa que elas têm um número menor de oscilações completas por segundo do que as ondas sonoras de alta frequência. Como a frequência das ondas sonoras determina a altura do som, ou seja, se ele é agudo ou grave, as ondas sonoras de baixa frequência são percebidas como sons graves.

Related video of em relação ao comprimento de onda assinale a alternativa verdadeira

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait