Como Podemos Caracterizar O Narrador De O Vagabundo Na Esplanada?

Reza December 21, 2022
“O Vagabundo Da Esplanada” Lazer

Introdução

O Vagabundo na Esplanada é um conto de Rubem Fonseca publicado em 1997. Nesta história, o narrador é um homem que observa um vagabundo em uma esplanada de um bar. O narrador descreve o vagabundo e a cena em detalhes, mas também revela seus próprios pensamentos e sentimentos. Neste artigo, discutiremos como podemos caracterizar o narrador de O Vagabundo na Esplanada.

O narrador é observador e detalhista

O narrador de O Vagabundo na Esplanada é um observador detalhista. Ele descreve o vagabundo em detalhes, desde suas roupas rasgadas até seus dentes faltando. O narrador também descreve a esplanada do bar, os outros clientes e a cidade ao fundo. Essa atenção aos detalhes pode ser vista como uma característica positiva, pois permite ao leitor visualizar a cena com clareza.

O narrador é crítico e cínico

O narrador de O Vagabundo na Esplanada é crítico e cínico. Ele faz comentários negativos sobre o vagabundo e sobre a sociedade em geral. Ele descreve o vagabundo como um “lixo humano” e a sociedade como “hipócrita”. Esses comentários revelam a visão de mundo do narrador e sua falta de empatia pelo vagabundo e pelas pessoas em geral.

O narrador é solitário e descontente

O narrador de O Vagabundo na Esplanada parece solitário e descontente. Ele observa a cena do bar sozinho e não interage com nenhum dos outros clientes. Ele também faz comentários sobre sua própria vida, como “Eu já tive muita coisa que perdi” e “Eu já fui feliz um dia, mas hoje não sou mais”. Esses comentários sugerem que o narrador pode estar passando por um momento difícil em sua vida.

O narrador é um homem comum

O narrador de O Vagabundo na Esplanada parece ser um homem comum. Ele não é descrito fisicamente e não tem uma profissão ou status social especificados. Ele é apenas um espectador da cena que está observando. Essa caracterização pode permitir que o leitor se identifique mais facilmente com o narrador, pois ele é um personagem comum e humano.

Conclusão

Em resumo, o narrador de O Vagabundo na Esplanada é um observador detalhista, crítico e cínico, solitário e descontente e um homem comum. Essas características nos ajudam a entender a visão de mundo do narrador e sua relação com a cena que está observando. Embora possamos não concordar com suas opiniões ou comportamento, a caracterização do narrador torna a história mais rica e complexa.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. O narrador tem empatia pelo vagabundo?

Não, o narrador faz comentários negativos sobre o vagabundo e o descreve como “lixo humano”. Isso sugere uma falta de empatia pelo vagabundo e pelas pessoas em geral.

2. O narrador é um personagem confiável?

Não necessariamente. Como o narrador é crítico e cínico, suas opiniões podem não ser imparciais. Além disso, não sabemos nada sobre sua vida ou sua personalidade, o que pode afetar sua percepção da cena.

3. Qual é a importância da caracterização do narrador?

A caracterização do narrador é importante porque nos ajuda a entender sua visão de mundo e sua relação com a cena que está observando. Isso pode nos ajudar a interpretar a história de maneira mais completa e profunda.

Related video of como podemos caracterizar o narrador de o vagabundo na esplanada

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait