Classificação Do Relevo Brasileiro Segundo Jurandyr Ross

Reza June 13, 2022
Classificação de Jurandyr Ross Escola Educação

O relevo brasileiro é um dos mais variados do mundo, com diferentes formas e altitudes. Para classificá-lo, o geógrafo Jurandyr Ross criou uma divisão em três grandes grupos: Planaltos, Planícies e Depressões.

Planaltos

Os planaltos estão presentes em cerca de 40% do território brasileiro e são caracterizados por uma superfície elevada e plana, com altitude superior a 300 metros acima do nível do mar. Eles são formados por rochas mais antigas e resistentes à erosão, como granitos e gnaisses.

Dentro da classificação de Jurandyr Ross, os planaltos são divididos em três subgrupos:

  • Planalto Atlântico: localizado na região Sudeste, é formado por rochas cristalinas e apresenta grande quantidade de serras e montanhas, como a Serra do Mar e a Serra da Mantiqueira.
  • Planalto Central: situado no centro do país, é caracterizado por uma superfície plana e ondulada, com destaque para o Planalto de Brasília e a Chapada dos Veadeiros.
  • Planalto Meridional: presente na região Sul do país, é formado por rochas sedimentares e apresenta um relevo mais suave, com destaque para a Serra Geral e a Serra do Mar.

Planícies

As planícies correspondem a cerca de 20% do território brasileiro e são caracterizadas por uma superfície plana e baixa, com altitude inferior a 200 metros acima do nível do mar. Elas são formadas por sedimentos trazidos pelos rios e pelo mar, além de apresentarem solos férteis e propícios à agricultura.

Dentro da classificação de Jurandyr Ross, as planícies são divididas em dois subgrupos:

  • Planícies Costeiras: localizadas nas regiões litorâneas do país, são formadas por sedimentos trazidos pelo mar e apresentam uma superfície plana e baixa, com destaque para a Planície Amazônica e a Planície do Pantanal.
  • Planície Fluvial: formada pelos sedimentos trazidos pelos rios, é caracterizada por uma superfície plana e baixa, com destaque para a planície do rio Amazonas e a planície do rio São Francisco.

Depressões

As depressões correspondem a cerca de 40% do território brasileiro e são caracterizadas por uma superfície mais baixa que o nível do mar, com destaque para o Vale do Rio São Francisco, o Pantanal e a Depressão Sertaneja.

For more information, please click the button below.

Dentro da classificação de Jurandyr Ross, as depressões são divididas em dois subgrupos:

  • Depressão Absoluta: caracterizada por uma superfície abaixo do nível do mar, é formada por sedimentos e rochas sedimentares, com destaque para o Pantanal e o Lagoa dos Patos.
  • Depressão Relativa: caracterizada por uma superfície abaixo do nível do mar, mas com influência das marés, é formada por sedimentos trazidos pelo mar, como a Baixada Maranhense.

Conclusão

A classificação do relevo brasileiro segundo Jurandyr Ross é importante para entender as características e as particularidades do território brasileiro. A partir dessa classificação, é possível compreender melhor as diferentes formas de relevo e seus impactos na vida das pessoas e na economia do país.

FAQs

1. Quais são as características dos planaltos?

Os planaltos são caracterizados por uma superfície elevada e plana, com altitude superior a 300 metros acima do nível do mar. Eles são formados por rochas mais antigas e resistentes à erosão, como granitos e gnaisses.

2. O que são as planícies?

As planícies correspondem a cerca de 20% do território brasileiro e são caracterizadas por uma superfície plana e baixa, com altitude inferior a 200 metros acima do nível do mar. Elas são formadas por sedimentos trazidos pelos rios e pelo mar, além de apresentarem solos férteis e propícios à agricultura.

3. O que são as depressões?

As depressões correspondem a cerca de 40% do território brasileiro e são caracterizadas por uma superfície mais baixa que o nível do mar, com destaque para o Vale do Rio São Francisco, o Pantanal e a Depressão Sertaneja.

Related video of classificação do relevo brasileiro segundo jurandyr ross

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait