As Três Almas De Platão

Reza December 8, 2022
Filosofia e Sociologia no Ensino Médio A TEORIA ORGANICISTA DE ESTADO

Platão, um dos mais renomados filósofos da Grécia Antiga, propôs em seus escritos a existência de três almas: a racional, a irascível e a concupiscente. Essa teoria foi apresentada em sua obra “República”.

A alma racional

Segundo Platão, a alma racional é a mais elevada das três almas. Ela é responsável pelo pensamento, pela razão e pela lógica. É a partir dela que o homem é capaz de refletir sobre o mundo ao seu redor e sobre si mesmo. Essa alma é considerada a parte divina do ser humano e é capaz de alcançar a verdade e a sabedoria.

De acordo com Platão, a alma racional é a única capaz de alcançar a verdadeira felicidade, pois é ela que busca o conhecimento e a sabedoria. É por meio dela que o homem é capaz de transcender os desejos materiais e encontrar um propósito maior na vida.

A alma irascível

A alma irascível é a segunda em importância, de acordo com Platão. Ela é responsável pelas emoções, pela coragem e pela ira. É a partir dela que o homem é capaz de lutar por seus ideais e de enfrentar os desafios da vida.

Essa alma é considerada a parte guerreira do ser humano, pois é ela que dá a coragem e a determinação necessárias para enfrentar os obstáculos da vida. No entanto, quando não controlada pela alma racional, pode levar o homem ao desequilíbrio emocional e à violência.

A alma concupiscente

Por fim, a alma concupiscente é a mais baixa das três almas, de acordo com Platão. Ela é responsável pelos instintos, pelos desejos e pelas paixões. É a partir dela que o homem é capaz de buscar o prazer e a satisfação pessoal.

For more information, please click the button below.

Essa alma é considerada a parte animal do ser humano, pois é ela que está ligada aos desejos materiais e aos prazeres efêmeros. Quando não controlada pela alma racional, pode levar o homem à perdição e à degradação moral.

Conclusão

A teoria das três almas de Platão é uma das mais importantes da filosofia grega. Ela propõe uma divisão do ser humano em três partes distintas, cada uma com suas funções e responsabilidades. A alma racional é a mais importante, pois é ela que busca a verdade e a sabedoria. A alma irascível é responsável pela coragem e pela determinação, enquanto a alma concupiscente está ligada aos desejos materiais e aos prazeres efêmeros.

Platão acreditava que o homem só poderia ser feliz quando suas três almas estivessem em equilíbrio, ou seja, quando a alma racional estivesse no comando das outras duas. Somente dessa forma o homem seria capaz de transcender os desejos materiais e encontrar um propósito maior na vida.

FAQs

O que é a teoria das três almas de Platão?

A teoria das três almas de Platão propõe uma divisão do ser humano em três partes distintas: a alma racional, a irascível e a concupiscente. Cada uma dessas almas tem suas funções e responsabilidades, e o equilíbrio entre elas é fundamental para a felicidade do homem.

Qual é a alma mais importante, de acordo com Platão?

De acordo com Platão, a alma racional é a mais importante das três almas. É ela que busca a verdade e a sabedoria, e é capaz de transcender os desejos materiais e encontrar um propósito maior na vida.

Como as três almas devem estar em equilíbrio, segundo Platão?

Platão acreditava que o homem só poderia ser feliz quando suas três almas estivessem em equilíbrio, ou seja, quando a alma racional estivesse no comando das outras duas. Somente dessa forma o homem seria capaz de transcender os desejos materiais e encontrar um propósito maior na vida.

Related video of as tres almas de platao

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait