A Contribuição De Émile Durkheim Para A Sociologia

Reza May 17, 2021
Pensamento ao Contrário YouTube

Introdução

A sociologia é uma ciência que se dedica ao estudo da sociedade, das relações sociais e da cultura. Ela surgiu no século XIX, em meio às transformações sociais, políticas e econômicas que ocorreram na Europa na época. Entre os muitos pensadores que contribuíram para o desenvolvimento da sociologia, destaca-se Émile Durkheim, que foi um dos fundadores da disciplina. Neste texto, vamos falar sobre a contribuição de Durkheim para a sociologia e como ela se diferencia da abordagem de outros pensadores sociológicos anteriores.

A contribuição de Émile Durkheim

Durkheim nasceu na França em 1858 e viveu até 1917. Ele estudou filosofia na École Normale Supérieure em Paris e se tornou professor de sociologia na Universidade de Bordeaux em 1887. Durkheim é conhecido por ter desenvolvido a teoria da coesão social, que se tornou uma das ideias mais influentes da sociologia. Ao contrário de outros pensadores sociológicos anteriores, como Karl Marx e Max Weber, que se concentraram nas dimensões econômicas e políticas da sociedade, Durkheim considerava a sociedade como um todo integrado. Ele acreditava que a sociedade era algo maior do que a soma das partes individuais e que ela precisava ser estudada como um fenômeno em si mesmo. Para Durkheim, a coesão social era a chave para entender a sociedade. Ele argumentou que a coesão social era mantida por meio de normas e valores compartilhados, que determinavam o comportamento dos indivíduos e os mantinham unidos em torno de objetivos comuns. Essa ideia foi expressa em seu livro “Da Divisão do Trabalho Social” (1893), no qual ele argumentou que a sociedade moderna era caracterizada pela divisão do trabalho, mas que essa divisão não levaria à fragmentação social se as pessoas compartilhassem valores comuns. Outra contribuição importante de Durkheim foi o desenvolvimento do método sociológico. Ele argumentou que a sociologia deveria ser uma ciência empírica e que os sociólogos deveriam usar métodos científicos para estudar a sociedade. Ele defendia que os sociólogos deveriam se concentrar em fatos sociais, que eram coisas que existiam independentemente das vontades dos indivíduos e que poderiam ser estudadas objetivamente.

A diferença em relação a outros pensadores sociológicos anteriores

Como mencionado anteriormente, a abordagem de Durkheim diferia da abordagem de outros pensadores sociológicos anteriores, como Marx e Weber. Enquanto Marx se concentrava nas relações de poder e na exploração econômica, Weber se concentrava na ação social e na compreensão do significado que as pessoas atribuíam às suas ações. Em contraste, Durkheim se concentrava na coesão social e na importância dos valores compartilhados. Um exemplo da diferença de abordagem pode ser visto na forma como esses pensadores entenderam a religião. Marx argumentava que a religião era uma forma de controle social usada pelas elites para manter os trabalhadores em sua posição subordinada. Weber argumentava que a religião era uma fonte de significado e propósito para as pessoas e que ela poderia influenciar a forma como elas se comportavam na vida cotidiana. Durkheim, por sua vez, argumentava que a religião era uma forma de coesão social, que unia as pessoas em torno de valores compartilhados.

Conclusão

Em resumo, Émile Durkheim foi um dos fundadores da sociologia e desenvolveu a teoria da coesão social, que se tornou uma das ideias mais influentes da disciplina. Ele argumentava que a coesão social era mantida por meio de normas e valores compartilhados e que a sociologia deveria ser uma ciência empírica que usava métodos científicos para estudar a sociedade. Sua abordagem diferia da abordagem de outros pensadores sociológicos anteriores, como Marx e Weber, que se concentravam em outras dimensões da sociedade.

FAQs

1. Qual foi a principal contribuição de Émile Durkheim para a sociologia?

A principal contribuição de Durkheim para a sociologia foi o desenvolvimento da teoria da coesão social, que argumentava que a sociedade era mantida por meio de normas e valores compartilhados.

2. Como a abordagem de Durkheim diferia da abordagem de outros pensadores sociológicos anteriores?

A abordagem de Durkheim diferia da abordagem de outros pensadores sociológicos anteriores, como Marx e Weber, porque ele se concentrava na coesão social e na importância dos valores compartilhados, enquanto Marx se concentrava nas relações de poder e Weber se concentrava na ação social e no significado que as pessoas atribuíam às suas ações.

For more information, please click the button below.

3. Por que Émile Durkheim é considerado um dos fundadores da sociologia?

Durkheim é considerado um dos fundadores da sociologia porque ele desenvolveu a teoria da coesão social e o método sociológico, que se tornaram ideias fundamentais da disciplina. Ele também foi um dos primeiros a estabelecer a sociologia como uma ciência empírica, que usava métodos científicos para estudar a sociedade.

Related video of ao contrário de outros pensadores sociológicos anteriores

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait