A Suspeita De Que Haveria Uma Relação Causal Entre Tabagismo

Reza October 13, 2021
Qual é A Doença Descrita Nesse Texto EDUCA

O tabagismo é considerado um dos maiores problemas de saúde pública em todo o mundo. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que o número de fumantes ativos seja cerca de 1,1 bilhão em todo o mundo. Além disso, o tabagismo é responsável por cerca de 6 milhões de mortes a cada ano, sendo que 600 mil dessas mortes são causadas pelo efeito do tabagismo passivo.

Devido ao grande impacto que o tabagismo tem na saúde pública, muitas pesquisas têm sido realizadas para entender seus efeitos sobre a saúde humana. Uma das principais questões que os pesquisadores tentam responder é se há uma relação causal entre tabagismo e várias doenças, como câncer de pulmão, doenças cardiovasculares e doenças respiratórias.

Relação causal

Uma relação causal é uma relação entre um evento (a causa) e um segundo evento (o efeito), onde o segundo evento é uma consequência do primeiro. Para estabelecer uma relação causal entre dois eventos, é necessário demonstrar que a causa antecede o efeito, que há uma relação temporal entre a causa e o efeito, que a causa é necessária para produzir o efeito e que a causa é suficiente para produzir o efeito.

No caso do tabagismo e suas consequências para a saúde, muitos estudos epidemiológicos têm sido realizados para entender se há uma relação causal entre fumar e várias doenças. Esses estudos geralmente envolvem a observação de grandes grupos de pessoas que fumam e compará-los com grupos de pessoas que não fumam. Os pesquisadores então tentam determinar se há uma associação estatística entre fumar e a ocorrência de doenças.

Estudos sobre tabagismo

Desde a década de 1950, quando a relação entre tabagismo e câncer de pulmão foi estabelecida, muitos estudos têm sido realizados para entender os efeitos do tabagismo na saúde. Alguns dos estudos mais importantes incluem:

Estudo de caso-controle de Doll e Hill (1950)

O estudo de Doll e Hill foi o primeiro a estabelecer uma relação causal entre tabagismo e câncer de pulmão. Os pesquisadores compararam um grupo de pacientes com câncer de pulmão com um grupo de controle que não tinha câncer. Eles descobriram que 96,5% dos pacientes com câncer de pulmão eram fumantes, em comparação com apenas 60,7% do grupo de controle.

For more information, please click the button below.

Estudo de cohort de Hammond e Horn (1954)

O estudo de Hammond e Horn foi o primeiro a mostrar uma relação causal entre tabagismo e doenças cardiovasculares. Os pesquisadores acompanharam mais de 34.000 médicos por um período de 20 anos e descobriram que aqueles que fumavam tinham um risco muito maior de desenvolver doenças cardiovasculares do que aqueles que não fumavam.

Relatório do Surgeon General dos EUA (1964)

O relatório do Surgeon General dos EUA, publicado em 1964, foi o primeiro a estabelecer uma relação causal entre tabagismo e câncer de pulmão. O relatório também destacou os efeitos do tabagismo em outras doenças, como doenças cardiovasculares e doenças respiratórias. Desde então, muitos outros relatórios do Surgeon General foram publicados, destacando os efeitos negativos do tabagismo na saúde.

Conclusão

Desde o estudo de Doll e Hill em 1950, muitos estudos têm sido realizados para entender a relação entre tabagismo e várias doenças. A grande maioria desses estudos mostrou uma relação causal entre fumar e doenças como câncer de pulmão, doenças cardiovasculares e doenças respiratórias. Como resultado, muitos países implementaram políticas para reduzir o tabagismo, como campanhas de conscientização, aumento de impostos sobre o tabaco e proibição de fumar em locais públicos. No entanto, o tabagismo ainda é um problema significativo em todo o mundo e a pesquisa continua a ser realizada para entender seus efeitos na saúde humana.

FAQs

1. O tabagismo é a principal causa de câncer de pulmão?

Sim, o tabagismo é responsável por cerca de 85% de todos os casos de câncer de pulmão. Outros fatores, como radônio, poluição do ar e exposição a produtos químicos, também podem contribuir para o câncer de pulmão, mas o tabagismo é a principal causa.

2. O que é tabagismo passivo?

O tabagismo passivo é a inalação de fumaça do tabaco por pessoas que não fumam. A fumaça do tabaco contém mais de 7.000 substâncias químicas, muitas das quais são tóxicas e cancerígenas. As pessoas expostas ao tabagismo passivo têm um risco maior de desenvolver doenças como câncer de pulmão, doenças cardiovasculares e doenças respiratórias.

3. Como posso parar de fumar?

Parar de fumar pode ser difícil, mas é possível com a ajuda certa. Existem muitos recursos disponíveis para ajudar as pessoas a parar de fumar, como terapia de reposição de nicotina, medicamentos prescritos e programas de aconselhamento. Falar com um médico ou profissional de saúde é um bom primeiro passo para descobrir qual opção é melhor para você.

Related video of a suspeita de que haveria uma relação causal entre tabagismo

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait