A Justiça De Deus Tarda, Mas Não Falha

Reza October 6, 2021
Justiça Divina não tarda e não falha YouTube

“A justiça de Deus tarda, mas não falha” é um ditado popular que indica que, apesar de a justiça divina não ser imediata, ela sempre prevalece no final. É uma expressão que tem origem em uma crença religiosa, mas que acabou se tornando comum em muitas culturas.

Origem da Expressão

A origem da expressão é incerta, mas acredita-se que ela tenha surgido a partir de ensinamentos bíblicos. Na Bíblia, há diversas passagens que falam sobre a justiça de Deus e a sua demora em agir.

Um exemplo disso é o Salmo 37, versículo 7, que diz: “Descansa no Senhor e espera nele; não te irrites por causa do homem que prospera em seu caminho, por causa do que leva a cabo os seus maus desígnios”.

Outra passagem bíblica que pode ter inspirado a expressão é o Livro de Habacuque, capítulo 2, versículo 3, que diz: “Porque a visão é ainda para o tempo determinado, e até ao fim falará, e não mentirá; se tardar, espera-o, porque certamente virá, não tardará”.

Significado

O ditado “a justiça de Deus tarda, mas não falha” significa que Deus pode demorar para agir, mas que, quando o faz, sua justiça é infalível. É uma forma de dizer que, mesmo que pareça que os injustos estão prosperando e que os justos estão sofrendo, a verdadeira justiça será feita no final.

Essa expressão também pode ser interpretada como um incentivo para as pessoas terem paciência e confiarem na justiça divina. Mesmo que a injustiça pareça prevalecer por um tempo, é importante acreditar que a verdade sempre será revelada e que a justiça será feita.

For more information, please click the button below.

Exemplos de Uso

O ditado “a justiça de Deus tarda, mas não falha” é comumente usado em situações em que parece que os injustos estão se dando bem e os justos estão sofrendo. Alguns exemplos de uso da expressão são:

  • Um funcionário que sofreu injustiça no trabalho, mas acredita que a verdade será revelada no final;
  • Um cidadão que vê a corrupção prevalecer na política, mas acredita que os corruptos serão punidos em algum momento;
  • Uma pessoa que enfrenta uma doença grave, mas mantém a fé de que Deus irá curá-la no tempo certo;
  • Um indivíduo que foi vítima de um crime, mas acredita que a justiça será feita no final.

Críticas

Apesar de ser uma expressão comum em muitas culturas, “a justiça de Deus tarda, mas não falha” também é criticada por algumas pessoas. Alguns argumentam que essa crença pode levar as pessoas a se conformarem com a injustiça e a não lutarem por seus direitos.

Outra crítica é que a expressão pode dar a impressão de que a justiça divina é mais importante do que a justiça terrena. Isso pode levar a uma falta de iniciativa para resolver problemas sociais e políticos, já que se espera que Deus resolva tudo no final.

Conclusão

“A justiça de Deus tarda, mas não falha” é uma expressão popular que indica a crença de que a justiça divina sempre prevalece, mesmo que demore para se manifestar. Essa crença pode trazer conforto para aqueles que enfrentam situações difíceis e injustas, mas também pode ser criticada por alguns por incentivar a passividade diante da injustiça.

FAQs

O que é justiça divina?

Justiça divina é a crença de que Deus é justo e que seus julgamentos e punições são justos e corretos. É uma crença presente em muitas religiões, como o cristianismo, o islamismo e o judaísmo.

Existe diferença entre justiça divina e justiça terrena?

Sim, existe diferença entre justiça divina e justiça terrena. A justiça divina é baseada na crença de que Deus é justo e que seus julgamentos são infalíveis. Já a justiça terrena é baseada nas leis e normas estabelecidas pela sociedade para garantir a ordem e a igualdade. Embora ambas as formas de justiça tenham o objetivo de punir os injustos e proteger os inocentes, elas operam em diferentes esferas e têm diferentes critérios de avaliação.

Como lidar com a injustiça?

Lidar com a injustiça pode ser difícil e desafiador, mas é importante manter a calma e buscar ajuda se necessário. Algumas sugestões para lidar com a injustiça são:

  • Buscar apoio de familiares e amigos;
  • Procurar ajuda de um advogado ou de uma autoridade competente;
  • Manter a calma e não se deixar levar pela raiva ou pelo desespero;
  • Buscar conforto em atividades que tragam alegria e satisfação, como hobbies ou esportes;
  • Acreditar que a verdade sempre prevalecerá e que a justiça será feita no final.

Related video of a justiça de deus tarda mas não falha

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait