A Criação Do Sistema Único De Saúde Como Uma Política

Reza April 12, 2022
SUS Sistema Único de Saúde Criação, História, Princípios e Diretrizes

O Sistema Único de Saúde (SUS) foi criado em 1988 pela Constituição Federal Brasileira, como uma política pública de saúde. O SUS é um sistema de saúde público, gratuito e universal, que tem como objetivo garantir o acesso à saúde para todos os brasileiros, independentemente da sua condição financeira ou social.

Origem do SUS

O SUS surgiu como uma resposta aos problemas de saúde enfrentados pela população brasileira, que até então sofria com a falta de acesso aos serviços de saúde, especialmente aqueles mais vulneráveis socialmente.

Na década de 1970, o Brasil adotou uma política de saúde baseada no modelo assistencial privado, em que a saúde era vista como um bem de consumo e, portanto, estava disponível apenas para aqueles que podiam pagar por ela. Esse modelo resultou em desigualdades no acesso à saúde, com a maioria da população sem acesso a serviços básicos de saúde.

Com a redemocratização do país nos anos 80, houve uma crescente demanda por serviços de saúde públicos e gratuitos. Em resposta a essa demanda, o SUS foi criado em 1988, como uma política de saúde pública que visava garantir o acesso à saúde para todos os brasileiros.

Princípios do SUS

O SUS é baseado em alguns princípios fundamentais que orientam a sua atuação:

  • Universalidade: o SUS deve garantir o acesso à saúde para todos os brasileiros, independentemente da sua condição financeira ou social;
  • Equidade: o SUS deve garantir que todos os brasileiros tenham acesso aos mesmos serviços de saúde, independentemente da sua condição financeira ou social;
  • Integralidade: o SUS deve oferecer serviços de saúde que atendam às necessidades de cada indivíduo, de forma integrada e contínua;
  • Participação social: o SUS deve envolver a população na elaboração, execução e avaliação das políticas de saúde;
  • Descentralização: o SUS deve garantir a participação dos estados e municípios na gestão e execução das políticas de saúde.

Organização do SUS

O SUS é organizado em três níveis de atenção à saúde:

For more information, please click the button below.
  • Atenção primária: é o primeiro nível de atenção à saúde, que se concentra na prevenção e promoção da saúde, por meio de ações de saúde preventivas e de cuidados básicos;
  • Atenção secundária: é o segundo nível de atenção à saúde, que se concentra no diagnóstico e tratamento de doenças e problemas de saúde mais complexos;
  • Atenção terciária: é o terceiro nível de atenção à saúde, que se concentra no tratamento de doenças e problemas de saúde mais graves e complexos, por meio de hospitais e serviços especializados.

O SUS é gerido pelo Ministério da Saúde, que é responsável pela formulação e implementação das políticas de saúde a nível nacional. Além disso, o SUS é descentralizado, o que significa que estados e municípios têm um papel importante na gestão e execução das políticas de saúde.

Impacto do SUS na saúde pública brasileira

O SUS teve um impacto significativo na saúde pública brasileira desde a sua criação. Entre os principais resultados do SUS, podemos destacar:

  • Aumento da expectativa de vida da população brasileira;
  • Redução da mortalidade infantil e da mortalidade por doenças transmissíveis;
  • Melhoria no acesso a serviços de saúde, especialmente para as populações mais vulneráveis socialmente;
  • Redução das desigualdades regionais no acesso a serviços de saúde;
  • Melhoria na qualidade dos serviços de saúde oferecidos pelo sistema público;
  • Fortalecimento do controle social sobre as políticas de saúde.

Desafios do SUS

Apesar dos avanços alcançados pelo SUS, ainda existem muitos desafios que precisam ser enfrentados para garantir o acesso universal e equitativo a serviços de saúde de qualidade para todos os brasileiros. Alguns dos principais desafios do SUS incluem:

  • Desigualdades regionais no acesso aos serviços de saúde;
  • Falta de investimento em infraestrutura e equipamentos de saúde, especialmente em regiões mais pobres do país;
  • Dificuldades na gestão e financiamento do sistema de saúde;
  • Falta de profissionais de saúde em algumas regiões do país;
  • Falta de integração entre os diferentes níveis de atenção à saúde;
  • Falta de programas de prevenção e promoção da saúde em algumas regiões do país.

Conclusão

O SUS é uma política pública de saúde que tem como objetivo garantir o acesso à saúde para todos os brasileiros, independentemente da sua condição financeira ou social. Desde a sua criação, o SUS teve um impacto significativo na saúde pública brasileira, com a redução da mortalidade infantil e da mortalidade por doenças transmissíveis, melhoria no acesso a serviços de saúde e fortalecimento do controle social sobre as políticas de saúde.

No entanto, ainda existem muitos desafios a serem enfrentados para garantir o acesso universal e equitativo a serviços de saúde de qualidade para todos os brasileiros. É necessário investir em infraestrutura e equipamentos de saúde, garantir a integração entre os diferentes níveis de atenção à saúde e implementar programas de prevenção e promoção da saúde em todo o país.

FAQs

O SUS é gratuito?

Sim, o SUS é um sistema de saúde público e gratuito, que tem como objetivo garantir o acesso à saúde para todos os brasileiros, independentemente da sua condição financeira ou social.

Como o SUS é financiado?

O SUS é financiado por meio de recursos do Orçamento da União, dos estados e dos municípios. Além disso, o SUS conta com fontes de financiamento específicas, como a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS).

Quem pode utilizar o SUS?

Todos os brasileiros têm direito ao acesso aos serviços de saúde oferecidos pelo SUS, independentemente da sua condição financeira ou social. Além disso, estrangeiros que estejam em território brasileiro também têm direito ao acesso aos serviços de saúde oferecidos pelo SUS.

Related video of a criacao do sistema unico de saude como uma politica

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait